Futebol/Campeonato Italiano - ( - Atualizado )

Higuaín e Rafa Benítez comemoram virada do Napoli sobre Milan

Nápoles (Itália)

Após ficar três partidas sem triunfar no Campeonato Italiano (dois empates e uma derrota), o Napoli encerrou o incômodo jejum neste sábado, no estádio San Paolo. De virada, a equipe comandada pelo treinador Rafa Benítez fez prevalecer o mando de campo e superou o time rubro-negro por 3 a 1, em partida válida pela 23ª rodada da competição. Autor de dois gols, o centroavante Gonzalo Higuaín celebrou a vitória.

“Este jogo foi uma prova de força. Estou contente por nossos torcedores, lutamos muito para conseguir os três pontos. Tivemos bom desempenho nas últimas partidas, mas a sorte não estava ao nosso lado. Temos que seguir da maneira que foi contra o Milan, demonstrando nosso valor”, afirmou o atleta argentino.

Após sair atrás no placar logo aos oito minutos, quando o estreante marroquino Adel Taarabt balançou as redes para os visitantes, o Napoli precisou de apenas três minutos para empatar, com o suíço Gokhan Inler. Na etapa complementar, Higuaín, aos 11 e aos 37 minutos, marcou para o time comandado pelo treinador Rafael Benítez e deu números finais ao confronto.

“Jogamos realmente muito bem, criando muitas oportunidades de gol. Poderíamos ter vencido por vantagem ainda maior. O resultado aconteceu em momento oportuno, pois os atletas atuaram com muita intensidade”, completou o técnico espanhol.

Apesar da vitória, o Napoli segue na terceira posição na tabela de classificação do Campeonato Italiano, com 47 pontos. Juventus (59 pontos e 22 jogos) e Roma (50 pontos e 21 partidas) aparecem na ponta da tabela, podendo aumentar a vantagem em relação ao terceiro colocado ainda neste domingo, quando enfrentam Verona e Lazio, respectivamente.

AFP
Higuaín marcou 17 gols em 30 partidas pelo Napoli desde que chegou ao clube italiano

Brasileiro é elogiado por Benítez

No confronto deste final de semana, o volante Jorginho fez sua estreia como titular do Napoli. Contratado em negociação com o Verona em janeiro, o atleta brasileiro havia entrado em campo em outros dois confrontos, mas sempre saindo do banco de reservas. Entretanto, o jogador apareceu na escalação principal no jogo deste sábado, não foi substituído e deu assistência para Inler marcar o gol de empate.

“Jorginho esteve muito bem contra o Milan e tenho certeza de que seguirá evoluindo em nossa equipe”, encerrou o treinador, que ainda tem o goleiro Rafael e os zagueiros Henrique e Bruno Uvini em seu elenco.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade