Futebol/Bastidores - ( )

Luverdense não foge do favoritismo no Campeonato Mato-grossense

Arthur Carvalho, especial para a GE.net Lucas do Rio Verde (MT)

Maior expoente do futebol do Mato Grosso atualmente, o Luverdense assumiu posto de grande favorito ao título estadual deste ano ao terminar a primeira fase com a melhor campanha do torneio. Único clube do estado a disputar a Série B do Campeonato Brasileiro deste ano, o LEC mostra evolução gradual em busca do tricampeonato mato-grossense. Em entrevista exclusiva à GazetaEsportiva.Net, o gerente de futebol do clube, Maico Gaúcho, diz não temer o favoritismo.

“A gente tem lidado bem com isso, com esse favoritismo imposto pela campanha do time na Série C do Campeonato Brasileiro do ano passado. Temos agido naturalmente”, garante, dando importância ao torneio estadual. “A Série B é importante, mas o estadual não é laboratório, temos montado um time forte para disputar o Mato-grossense”.

Divulgação
Ex-treinador das categorias da base, Gaúcho foi promovido a gerente de futebol no começo do ano
Com 21 pontos na primeira fase do estadual, o time de Lucas do Rio Verde terá vantagem de decidir em casa o duelo pelas quartas de final, no qual encara a zebra Cacerense, que passou da primeira fase mesmo conquistando apenas um ponto em seis jogos. O regulamento gerou insatisfação em alguns clubes do torneio, mas Maico Gaúcho prefere deixar o Luverdense de fora da polêmica, citando apenas as consequências da confusão.

“Nós simplesmente acatamos as decisões da Federação”, afirma. “Mas isso descredencia o campeonato,sim, uma equipe que não precisa pontuar para classificar. Porque o time que já está classificado não precisa investir em contratação. É ruim para a Federação e para o campeonato, mas nós trabalhamos da mesma forma”, completa o dirigente.

Sem necessidade de fazer grandes investimentos para o campeonato estadual, o LEC deve se concentrar no mercado de transferências visando à inédita participação na segunda divisão nacional. “Pensamos em reforçar o grupo para um campeonato longo como é a Série B. Fazemos reuniões semanais sobre isso e, no momento certo, vamos contratar alguns jogadores”, promete Gaúcho.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade