Futebol/Campeonato Paulista - ( - Atualizado )

Mano reclama de falta em Jocinei em jogada do gol do Palmeiras

Helder Júnior São Paulo (SP)

Mano Menezes considerou irregular o gol que tirou do Corinthians a vitória no clássico deste domingo, no Pacaembu. Para o treinador, o ataque do Palmeiras cometeu falta no volante Jocinei no início da jogada que culminou com a cabeçada certeira do centroavante Alan Kardec e o empate por 1 a 1.

“Erramos em uma bola, mas o árbitro também poderia ter dado falta no Jocinei. É como eu falo: em alguns períodos, parece que não há boa vontade. Em qualquer jogo, a arbitragem marcaria essa falta, pois houve contato físico e dois jogadores apertaram o nosso. Mas ele não quis marcar”, reclamou Mano, em um protesto isolado. Nenhum dos seus comandados se referiu ao lance após a partida.

Segundo o treinador, o quarto árbitro Maurício Antônio Fioretti teria adotado uma postura defensiva ao ouvir a sua análise em relação à postura do árbitro Raphael Claus. “O árbitro reserva disse que 'também houve três laterais duvidosos'. Às vezes, é ainda pior aguentar o argumento”, continuou a chiar.

Fernando Dantas/Gazeta Press
Guerrero chiou com o árbitro Raphael Claus em outro lance do clássico entre Corinthians e Palmeiras
Apesar das lamentações por não ter saído do Pacaembu com a vitória, Mano Menezes ficou satisfeito com a apresentação do Corinthians. A sua equipe (em crise) dominou o Palmeiras (invicto em 2014) durante boa parte da partida.

“Fizemos um grande clássico para uma equipe que estreou dois jogadores (Jadson e Bruno Henrique) no meio-campo após só uma semana de treinamentos, utilizando uma linha de quatro atletas pela primeira vez. Fomos amplamente superiores. Tivemos chances com Paolo Guerrero, debaixo dos paus, com Romarinho, cara a cara, novamente com Paolo, além de uma bola no travessão com Guilherme”, listou o treinador corintiano.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade