Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Mesmo em baixa, Pato é elogiado por treinador do Real Madrid

Milão (Itália)

Considerado uma das principais revelações do futebol brasileiro na última década, Alexandre Pato deixou o Internacional rumo ao Milan em 2007, aos 17 anos. Apesar das altas expectativas, o atleta jamais conseguiu alcançar o desempenho esperado pelo time italiano e, em 2013, acertou transferência ao Corinthians. Em baixa desde o último ano, o atacante (atualmente no São Paulo) foi lembrado pelo treinador Carlo Ancelotti, seu ex-comandante na equipe rubro-negra e agora no Real Madrid.

Em entrevista concedida ao jornal Corriere Dello Sport, o técnico citou Pato para destacar a fase de Jesé, que tem sido um dos protagonistas do Real Madrid nos últimos jogos. Fã declarado de atletas brasileiros, Ancelotti trabalhou com o atacante no Milan entre 2007 e 2009, sendo um dos principais entusiastas de seu futebol.

“Jesé, mesmo sem ter completado 21 anos, tem um talento enorme. Não trabalhei com jovens com tanta qualidade assim. Pato era como ele”, afirmou o treinador italiano.

Atleta do Milan entre 2007 e 2013, Alexandre Pato disputou 150 partidas pelo clube italiano e marcou 63 gols. Após sofrer diversos problemas físicos, o atacante acertou retorno ao futebol brasileiro para atuar pelo Corinthians, que desembolsou R$ 40 milhões por sua contratação. Mal no time alvinegro, foi emprestado ao São Paulo, onde tem vínculo até dezembro de 2015.

Jesé, por sua vez, foi criado nas categorias de base do Real Madrid e, nesta temporada, se consolidou no elenco da equipe principal. Aos 20 anos, o atacante tem sido constantemente utilizado por Carlo Ancelotti e já disputou 26 jogos, sendo dez como titular, e marcou oito gols.

Fernando Dantas/Gazeta Press
Revelado pelo Internacional em 2006, Pato foi vendido ao Milan pouco tempo depois de chegar ao profissional

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade