Futebol/Copa Libertadores - ( - Atualizado )

Morre autor do primeiro gol da história da Copa Libertadores

Montevidéu (Uruguai)

Autor do primeiro gol da história da Copa Libertadores, o uruguaio Carlos Ariel Borges morreu na noite de terça-feira aos 82 anos de idade, em Montevidéu. O ex-atleta foi atacante do Peñarol durante 15 temporadas, sendo 14 delas de forma consecutiva. As causas da morte não foram reveladas.

O nome de Borges ficou marcado no futebol sul-americano no dia 19 de abril de 1960. O uruguaio fez o primeiro gol da história da Libertadores, contra o Jorge Wilstermann, da Bolívia, no Estádio Centenário de Montevidéu.

Borges foi campeão uruguaio pelo Peñarol em sete oportunidades, além de ter conquistado a Copa Libertadores de 1960. Defendeu a seleção do Uruguai na Copa do Mundo de 1954 e venceu a Copa América de 1956. Também atuou pelo Racing Club, da Argentina.

O ex-atleta não foi só um herói dos gramados, como também fora deles. Em 1963, Borges sobreviveu ao naufrágio do Vapor de la Carrera, um barco que fazia o trajeto entre Montevidéu e Buenos Aires. Na ocasião, ele acabou salvando um menino.

Divulgação
Autor do primeiro gol da Libertadores, Carlos Ariel Borges morreu na noite de terça-feira

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade