Futebol/Campeonato Paulista - ( - Atualizado )

Muricy se contenta por São Paulo ter “incomodado” Portuguesa

Luiz Ricardo Fini São Paulo (SP)

O técnico Muricy Ramalho deixa claro que o São Paulo ainda não joga da forma como espera neste início de temporada. Porém, depois do empate por 0 a 0 contra a Portuguesa, no Morumbi, o treinador se mostrou satisfeito por seu time ter se arriscado mais vezes no ataque, na noite deste sábado, pelo Campeonato Paulista.

“Foi um jogo igual, muito aberto. Depois de uma semana livre de treinos, tem mesmo uma correria, uma loucura, que é o futebol de hoje. Eles poderiam ter vencido, mas nós também. Não sei se foi uma grande partida, mas, pelo menos, chutamos e incomodamos o adversário. Foi um jogo bom, apesar do 0 a 0”, comentou.

O Tricolor criou oportunidades na frente, mas levou grandes sustos, vendo a Lusa reclamar de um gol mal anulado e ainda mandar uma na trave. Porém, Muricy entende que o São Paulo já mostrou um futebol superior em relação à rodada anterior, quando perdeu por 2 a 1 para a Ponte Preta.

Fernando Dantas/Gazeta Press
Muricy Ramalho afirmou que pelo menos seu time chutou mais ao gol da Portuguesa
“Contra a Ponte, nós finalizamos muito pouco, mas hoje (sábado) chegamos várias vezes. Não dá para finalizar duas ou três vezes como foi naquela outra partida”, comentou o técnico, ciente de que grande parte dos arremates partiu de Pabon, que arrisca sempre que possível, mesmo estando longe da meta.

No entanto, os chutes a gol que animaram o técnico não foram suficientes para agradar a torcida, que protestou ao término do empate. “A vaia é normal por causa do resultado”, minimizou o comandante.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade