Futebol/Campeonato Paulista - ( - Atualizado )

Oswaldo minimiza gol de Damião e culpa físico por baixo rendimento

Do correspondente Diego Diegues Santos (SP)

Em entrevista coletiva, após a vitória por 2 a 1 diante do Atlético Sorocaba, o treinador do Santos, Oswaldo de Oliveira não mostrou muita empolgação com o primeiro gol de Leandro Damião, com a camisa do Peixe. O comandante santista também apontou o desgaste físico pela queda de rendimento da equipe, especificamente nas duas últimas partidas, válidas pelo Campeonato Paulista.

“O Damião não fez mais que a obrigação dele. Seria tudo normal, se não houvesse tanta especulação, tanta conversa, ou se o preço que foi gasto na contratação não fosse levado mais em consideração do que o valor técnico. A valorização que o jogador tem, e o que já fez, está se confirmando. O Damião é um jogador de múltiplas especialidades, que chuta muito bem e cabeceia muito bem”, ressaltou Oswaldo.

O treinador alvinegro também apontou o desgaste físico pela má atuação diante do Atlético Sorocaba e na derrota contra o Penapolense, no último domingo, quando perdeu por 4 a 1. “A superioridade física deles ficou evidente. Uma coisa é se preparar dois meses e jogar jogos em sequência. Outra é treinar oito dias e jogar essa mesma sequência, mas não quero que soe como desculpa, até porque ganhamos o jogo”, disse.

O elenco santista se reapresenta nesta sexta-feira, às 16 horas (de Brasília), no CT Rei Pelé, em Santos, para o treinamento visando o clássico contra o São Paulo, no próximo domingo, 23, no Morumbi. Vale lembrar que o Peixe é o líder do Grupo C com 22 pontos, seis a mais que o vice-líder São Bernardo, que empatou por 1 a 1, justamente com o tricolor paulista.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade