Futebol/Campeonato Catarinense - ( - Atualizado )

Para evitar problemas no Estadual, Chape divide anteções

Chapecó (SC)

Após a desclassificação do quadrangular final do Campeonato Catarinense, a Chapecoense não poderá voltar todas as suas atenções para a Copa do Brasil, já que, agora, terá que pensar em escapar do rebaixamento no Estadual, fato que não agradou a diretoria. 

Em meio à disputa do Catarinense, o Verdão do Oeste conheceu o seu primeiro adversário na Copa do Brasil. O Rio Branco-AC venceu o Real Noroeste-ES na última quarta-feira, no jogo da volta, e assegurou a vaga na competição nacional.

O foco da Chapecoense agora é se livrar das possibilidades de rebaixamento no Estadual antes do próximo dia 9 de abril, quando, finalmente, mede forças com o classificado Rio Branco. Dessa maneira, o time do técnico Gilmar Dal Pozzo terá, inclusive, possibilidade de se dedicar ao Campeonato Brasileiro, que se inicia no dia 20 do mesmo mês.

Divulgação
Elenco tem a missão de conciliar o Catarinense com a Copa do Brasil (Foto: Flickr/Chapecoense)
Para obter sucesso nos objetivos traçados, a diretoria da Chape segue de olho em reforços. Leandro Amaro, volante de 27 anos, foi anunciado na última quinta-feira, vindo, por empréstimo, do Palmeiras e assinou contrato por três meses com os catarinenses.

O atacante Neílson também deve assinar com o Verdão do Oeste. Ele foi campeão com o clube em 2011 e tentou a sorte no Avaí no ano seguinte, onde também levantou a taça do Catarinense. O jogador estava no Londrina e deve ficar até o fim da temporada em Chapecó.

Outro nome que pode pintar nos gramados da Arena Condá é o de Abuda, volante do Vasco. A Chapecoense encara o Avaí, na próxima quinta-feira, às 19h30 (de Brasília), na Ressacada, no primeiro compromisso da segunda fase do Catarinense.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade