Futebol/Campeonato Paulista - ( )

Muricy se anima com personalidade de Pabon e até releva erros

Luiz Ricardo Fini São Paulo (SP)

O técnico Muricy Ramalho está satisfeito com o início de trajetória do colombiano Pabon no São Paulo. Apesar de o atleta ter disputado apenas duas partidas e ainda não ter balançado as redes, o treinador elogiou a insistência do atacante, que não se intimida mesmo quando tem uma sequência de falhas na frente.

“Ele tem personalidade. Erra, mas não se intimida na jogada seguinte. Ele arrisca toda hora e erra muito porque causa disso, mas é preferível assim. Ele não se esconde e vai passar isso para os outros”, afirmou.

Emprestado pelo Valencia ao Tricolor até o meio de 2015, Pabon estreou na derrota para a Ponte Preta e atuou pela primeira vez no Morumbi no empate por 0 a 0 com a Portuguesa, quando arriscou diversos chutes, levando perigo em uma oportunidade.

Fernando Dantas/Gazeta Press
Muricy Ramalho elogiou Pabon pelo atacante insistir na frente mesmo quando erra
“O Pabon é um jogador interessante, que correu até o final e fez bem o corredor. Realmente vai nos ajudar muito, mas está se adaptando ainda”, acrescentou o técnico. A meta agora do jogador é conseguir fazer seu primeiro gol pelo Tricolor.

“Trabalhei muito para ajudar o time contra a Portuguesa, mas, infelizmente, faltou o gol. Fomos muito bem, criamos chances e temos que manter isso no campeonato. Quero muito poder marcar um gol e alegrar o torcedor”, afirmou.

Pabon foi escalado como titular no trio ofensivo formado com Luis Fabiano e Ademilson. Já Osvaldo, que era titular, perdeu espaço e deve ser negociado com o Fluminense, enquanto o reforço Alexandre Pato não pode atuar no Paulistão porque ultrapassou o limite de jogos pelo Corinthians.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade