Futebol/Campeonato Paulista - ( - Atualizado )

Prestes a ser pai, Vinícius supera tristeza por ter poucas chances

Luiz Ricardo Fini São Paulo (SP)

O atacante Vinícius era acionado com frequência pelo técnico Gilson Kleina na temporada passada, mas perdeu espaço na equipe do Palmeiras neste início de 2014. O jogador, que disputou sua primeira partida como titular no ano apenas na noite de quinta-feira, revelou que a notícia de que será pai serviu como um incentivo no período difícil.

“Está vindo um moleque... Fiquei muito feliz quando soube e continuo assim até agora para responder à pergunta. Estou ansioso, queria que nascesse na semana que vem. Isso muda a pessoa, é um incentivo a mais. Estava até chateado, porque não vinha jogando, mas o professor me deu mais uma oportunidade e agora completou a felicidade”, comentou, sorridente.

O filho do atacante também se chamará Vinícius e nascerá em julho. Até lá, o jogador espera já ter se firmado novamente na equipe de Gilson Kleina, principalmente com a confiança que ganhou por ter atuado na vitória por 2 a 0 sobre o São Bernardo.

Fernando Dantas/Gazeta Press
Vinícius será pai e explicou que a felicidade ficou completa quando voltou a ter chance no time
“O Palmeiras é um time muito grande, e sempre vão chegar reforços. Continuei trabalhando do mesmo jeito, cada vez mais forte, mas, infelizmente, não estava tendo oportunidades. Acho que fui bem nessa partida, pois estava sem ritmo, já que não tinha jogado (como titular) ainda no ano. Comecei com pé direito e tomara que continue assim”, comentou.

Vinícius foi titular diante do São Bernardo porque Kleina escalou a equipe com três atacantes, sem ter Leandro e Diogo, lesionados. Assim, o prata da casa disputou sua terceira partida no ano, sendo apenas a primeira como titular.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade