Futebol/Campeonato Inglês - ( - Atualizado )

Rodgers analisa chances do Liverpool: “Um chihuahua contra cavalos”

Liverpool (Inglaterra)

Sem conquistar o título do Campeonato Inglês desde 1989/1990, o Liverpool é um dos quatro protagonistas na disputa pelo troféu da atual edição da competição nacional. E, após o triunfo por 3 a 2 sobre o Fulham, nesta quarta-feira, no estádio Craven Cottage, o treinador Brendan Rodgers analisou de maneira bem humorada a concorrência de Chelsea, Arsenal e Manchester City na busca pela primeira colocação.

“Somos um chihuahua correndo entre as pernas de alguns cavalos”, afirmou o técnico, que ainda elogiou o desempenho de seus comandados. “Estamos criando uma equipe ofensiva e agressiva. É algo que tentamos concluir faz tempo. Estou gostando muito do modo como o time tem evoluído e continuaremos neste caminho”, completou.

Invicto há sete partidas no Campeonato Inglês (cinco vitórias e dois empates), o Liverpool passou perto de não conquistar os três pontos diante do Fulham. Em desvantagem por 2 a 1 no placar até os 18 minutos da etapa complementar, a equipe comandada por Brendan Rodgers empatou o marcador com o brasileiro Philippe Coutinho, aos 27 minutos, e anotou o gol derradeiro já aos 46 minutos, em cobrança de pênalti de Steven Gerrard.

Com este resultado, o Liverpool se manteve na quarta colocação na tabela de classificação, com 53 pontos, mas diminuiu sua desvantagem em relação ao líder, Chelsea, que empatou por 1 a 1 com West Bromwich e chegou aos 57 pontos. Arsenal (56 pontos) e Manchester City (55 pontos) completam o grupo de equipes que estariam classificadas para próxima edição da Liga dos Campeões da Europa.

O time treinado por Rodgers volta a entrar em campo neste domingo, às 10h30 (de Brasília), quando mede forças com Swansea City, no Anfield Road, em partida válida pela 27ª rodada do Campeonato Inglês. Realizando campanha intermediária, o clube galês aparece na décima colocação, com 28 pontos, e empatou por 1 a 1 com Stoke City nesta quarta-feira, no Britannia Stadium.

AFP
Vencedor da Liga do Campeões da Europa em cinco oportunidades, Liverpool tenta encerrar jejum no Inglês

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade