Futebol/Campeonato Carioca - ( - Atualizado )

Rodrigo volta aos treinos e pode reduzir problema de Adilson

Gazeta Press Rio de Janeiro (SP)

A defesa do Vasco tem se tornado uma verdadeira dor de cabeça para o técnico Adilson Batista. Isso porque nos últimos jogos o setor vem sofrendo muito com as críticas. Algumas vaias foram ouvidas na derrota de 2 a 1 para o Flamengo e se intensificaram no reves pelo mesmo marcador diante da Cabofriense, no último fim de semana. Na ocasião, Jomar e Luan formaram o setor e o primeiro teve que conviver com as hostilidades vindas da arquibancada. Para agravar a situação, Luan foi advertido com o terceiro cartão amarelo e vai ter que cumprir suspensão no confronto desta quinta-feira contra o Madureira, às 16h(de Brasília), no Estádio Anioceto Moscoso, no bairro de Madureira, subúrbio do Rio de Janeiro, válido pela 11ª rodada do Campeonato Carioca.

A ausência de Luan se tornou um grande problema para Adilson Batista, que estava prevendo compor a zaga com Jomar e Rafael Vaz, outro bastante hostilizado pelos torcedores. Porém, na manhã desta terça-feira o treinador pode ter encontrado uma solução que caiu dos céus. O zagueiro Rodrigo apareceu no gramado de São Januário e participou normalmente da movimentação tática comandada pelo treinador. O jogador, hoje o mais regular da zaga, foi desfalque nos dois últimos compromissos por conta de uma lesão muscular na coxa esquerda.

No treino, Rodrigo teve ao seu lado Rafael Vaz. Porém, como Adilson mesclou titulares e reservas ainda não foi possível identificar qual time ele pretende mandar a campo diante do Madureira. Mas a ausência de Jomar do time principal é considerada significativa pelo fato de que na entrevista coletiva após a partida, Adilson bancou o jogador como titular na quinta-feira.

"O Luan está suspenso, o Rodrigo está voltando, mas o Jomar jogará na quinta-feira. Trata-se de um atleta jovem, com grande potencial e que precisa de orientação. Temos que dar apoio a ele", disse Adilson.

Outra novidade no treino foi a presença do jovem atacante Thalles no time principal, formando dupla de frente com Edmilson. O jogador é uma espécie de xodó da torcida e tem boas chances de ser aproveitado diante do Madureira logo de início. A diretoria, inclusive, vem acertando os últimos detalhes da prorrogação do contrato do atleta. Na atividade desta manhã, os vascaínos tiveram na equipe principal: Martín Silva, André Rocha, Rodrigo, Rafael Vaz e Diego Renan; Aranda, Pedro Ken, Fellipe Bastos e Bernardo; Thalles e Edmilson.

Na atividade desta terça-feira, o volante argentino Pablo Guiñazu ficou na academia fazendo trabalho de reforço muscular, enquanto que o meia Douglas deu voltas ao redor do gramado. Os dois não preocupam para o duelo contra o Madureira. Quem permanece de fora é o lateral esquerdo Marlon, que ainda se recupera de um edema na coxa esquerda.

Nesta manhã de quarta-feira, Adilson Batista comanda mais um treinamento pela manhã, no CFZ, onde deverá definir a formação que vai a campo. Em seguida, começa o período de concentração para a partida. Com 18 pontos conquistados, o Vasco aparece na quarta posição do Campeonato Carioca e não pode pensar em tropeço sob pena de deixar a zona de classificação para as semifinais. O time é pressionado de perto por Nova Iguaçu, que tem 16 pontos, além de Botafogo e Friburguense, que aparecem com 15 pontos.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade