Futebol/Homenagem - ( - Atualizado )

Tita é homenageado e tem nome gritado no jogo entre León e Flamengo

Cidade do México (México)

Adversários na estreia da Libertadores, León e Flamengo têm um ídolo em comum: Tita, atacante campeão mundial pelo Rubro-Negro e campeão nacional pelo time mexicano. Elo que liga a história das duas equipes, o ex-jogador recebeu dupla homenagem nesta quarta-feira e teve seu nome gritado pela torcida do time da casa.

Antes do início da partida, o León providenciou um grande painel com a saudação “Gracias Tita 10”, além de imagens de Tita em ação pelo clube mexicano e símbolos dos dois times. O ídolo ainda osou para foto com uma camisa comemorativa do time da casa e recebeu uma placa comemorativa da diretoria do Flamengo.

Alexandre Vidal/Fla Imagem
Ex-jogador revelou torcida pelo León e deu sorte, já que os mexicanos venceram por 2 a 1

Durante a partida, quando a equipe mexicana tinha faltas marcadas próximas à área do Flamengo, os cerca de 30 mil torcedores presentes gritavam “Tita, Tita, Tita”, relembrando a habilidade que o ex-jogador tinha para bater na bola.

Campeão da Libertadores e do Mundial de Clubes pelo Flamengo em 1981, o nome do meia-atacante aparece cada vez que o torcedor rubro-negro relembra o histórico setor ofensivo composto por Adílio, Zico, Tita, Nunes e Lico. Além dos títulos internacionais pelo Flamengo, voltou a levantar a taça da Libertadores pelo Grêmio, em 1983.

O ídolo rubro-negro ainda teve passagens pelo rival Vasco da Gama, onde venceu um Carioca e um Brasileirão, além de ter vencido a Copa da UEFA pelo Bayer Leverkusen, da Alemanha. No León, Tita atuou por seis temporadas e se destacou na conquista do Campeonato Mexicano de 1991/92.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade