Futebol/Copa da Itália - ( - Atualizado )

Udinese faz lição de casa e abre vantagem sobre Fiorentina na semi

Údine (Itália)

Diante da vantagem de decidir em casa a vaga na decisão da Copa da Itália, a Fiorentina viajou a Údine nesta terça-feira com a missão de impedir uma possível vantagem dos donos da casa. Depois de sair atrás do placar, a Viola foi buscar o empate e ia conquistando seu objetivo, mas, já no fim do segundo tempo, Lucas Muriel mudou a história do jogo. O atacante colombiano saiu do banco e fez o gol da vitória, por 2 a 1, da Udinese.

Com um regulamento diferente das outras fases, agora com a disputa pela vaga na decisão da Copa da Itália em dois jogos, a Udinese sabia da importância de fazer o resultado dentro de casa. Sendo assim, liderado pelo experiente Di Natale, começou melhor na partida e aproveitou os espaços na defesa do adversário para balançar as redes pela primeira vez.

Aos 36 minutos do primeiro tempo, os donos da casa souberam o momento certo de surpreender a Fiorentina e encaixaram um rápido contra-ataque pela direita. O lateral Weidmer foi lançado em profundidade, ganhou dos zagueiros e fez o cruzamento rasteiro para Di Natale, que apenas completou para o fundo do gol, inaugurando o marcador.

A reação da Fiorentina, no entanto, não demorou a acontecer. Depois de parar em outras ocasiões no goleiro Scuffet, o ataque da Viola, finalmente, conseguiu balançar as redes aos 44 minutos do primeiro tempo. O peruano Vargas encontrou espaços para o chute, mandou a bomba de fora da área e marcou um belo gol, para deixar tudo igual em Údine.

Na volta do intervalo, o jogo ficou menos movimentado e encaminhava para um empate. O resultado era ruim para os anfitriões, mas o colombiano Luis Muriel fez questão de movimentar o marcador. O atacante saiu do banco aos 21 minutos da eapa complementar e balançou as redes com sete para o apito final, depois de receber na entrada da área e manda a bomba.

O gol do colombiano definiu o resultado em Údine, deixando a equipe da casa em vantagem nas semifinais. Agora, na partida da volta, que será realizada em Florença, na próxima terça-feira, às 18 horas (de Brasília), a Fiorentina precisa de uma vitória por 1 a 0 ou por dois gols de diferença para avançar a decisão. O empate coloca a Udinese na final da competição nacional.

Na outra chave das semifinais da Copa da Itália, a Roma, que ainda sonha com o título do Campeonato Italiano, começa sua saga diante do Napoli nesta quarta-feira, às 17h45 (de Brasília), no Estádio Olímpico. Depois de eliminar a Juventus na fase anterior, o time da capital italiana recebe os napolitanos, que passaram pela Lazio, o maior rival gialorrosso.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade