Atletismo/Mundial Indoor - ( - Atualizado )

Duda recebe a medalha de ouro pelo bicampeonato mundial indoor

Sopot (Polônia)

Ganhador da prova de salto em distância do Mundial Indoor de Sopot, disputada na tarde de sábado, o brasileiro Mauro Vinícius da Silva, mais conhecido como Duda, voltou ao estádio no dia seguinte para participar da cerimônia de premiação oficial.

Sereno no degrau mais alto do pódio, Duda saboreou o bicampeonato e fechou os olhos durante a execução do hino nacional brasileiro. Em São José do Rio Preto, cidade localizada no interior paulista, Iza Lourenço, mãe do saltador, não conteve as lágrimas.

“O gosto é muito especial, é impossível não se emocionar com o hino nacional”, disse Duda, que lembrou a figura do pai, já falecido, durante a premiação. “Pensei muito no meu pai, porque foi quem me levou para o esporte. Faltou ele estar aqui para ver, mas Deus sabe o que faz”, completou, em entrevista ao Sportv.

AFP
Saltador brasileiro Mauro Vinícius da Silva, mais conhecido como Duda, exibe medalha de ouro. Crédito: Adrian Dennis
Orientado pelo técnico Aristides Junqueira, Duda conquistou o ouro na Polônia ao alcançar a marca de 8,28m. O chinês Jinzhe Li ganhou a medalha de prata com um salto de 8,23m, enquanto o sueco Michel Torneus, 8,21m, completou o pódio na cidade de Sopot.

Antes dos dois títulos de Duda, alcançados em Istambul-2012 e Sopot-2014, Zequinha Barbosa (800m, Indianápolis-1987) e Fabiana Murer (salto com vara, Doha-2010) também foram campeões mundiais indoor. Em Mundiais ao ar livre, apenas a saltadora triunfou (Daegu-2011).

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade