Futebol/Campeonato Paulista - ( - Atualizado )

Apesar de eliminação, Tássio se diz feliz com campanha do Bragantino

São Paulo (SP)

O Bragantino tinha uma missão muito complicada nesta quinta-feira. Depois de sofrer para avançar às quartas de final, o Massa Bruta enfrentaria o Palmeiras, time de segunda melhor campanha, no estádio do Pacaembu. Dentro de campo, a equipe do interior não conseguiu surpreender, foi derrotada por 2 a 0, mas o resultado não foi motivo de lamentação entre os jogadores.

Antes mesmo de começar o confronto diante do Palmeiras, a comissão técnica do Bragantino já tratava a eliminação como o destino mais provável. Sendo assim, a derrota foi bem aceita. O discurso dos jogadores, aliás, foi bem otimista, como, por exemplo, do atacante Tássio, que preferiu ressaltar a superação do Massa Bruta ao longo da competição.

“Estamos felizes com a campanha, é motivo de orgulho, porque ninguém acreditava em nós e mostramos que tínhamos condições. Poderíamos ter chegado às semifinais, mas o Palmeiras mereceu, tem uma grande equipe. Agora, já temos que pensar na Copa do Brasil, porque o ano é longo para nós”, disse o atacante do Bragantino, ciente do calendário apertado.

Em uma situação diferente da maioria dos clubes do interior de São Paulo, o Bragantino tem compromissos ao longo de toda temporada. Eliminado no Paulistão, a equipe alvinegra volta a campo já na próxima quarta-feira, quando estreia pela Copa do Brasil. O primeiro adversário será o Lajeadense, às 20h30 (de Brasília), no Estádio Alviazul, em Lajeado, Rio Grande do Sul.

De acordo com o regulamento da Copa do Brasil, o Bragantino consegue eliminar o segundo jogo do confronto com uma vitória por dois gols de diferença. O feito seria importante para um melhor planejamento na temporada, já que também há a preocupação com a disputa do Campeonato Brasileiro Série B, que começa para o Massa Bruta no dia 19 de abril, contra o Náutico, em Bragança Paulista.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade