Futebol/Campeonato Espanhol - ( - Atualizado )

Após clássico de 7 gols, Barça e Real voltam a campo em busca do título

Gazeta Press Barcelona (Espanha)

Depois de protagonizarem um clássico eletrizante no estádio Santiago Bernabéu, Barcelona e Real Madrid voltam a campo nesta quarta-feira, em duelos válidos pela 30ª rodada do Campeonato Espanhol. Vencedor no triunfo passado, pelo placar de 4 a 3, o clube catalão terá pela frente o Celta de Vigo, no Camp Nou, às 16 horas (de Brasília). Já os merengues, às 18 horas, visitam o Sevilla, no estádio Ramón Sánchez Pizjuán.

Detentor do terceiro posto, com 69 pontos, o Barcelona pode finalizar a rodada como líder, caso os clubes madrilenhos não vençam os seus compromissos. Porém, para conquistar o triunfo sobre a equipe de Vigo, é necessário deixar de lado a euforia pela vitória no Bernabéu. É o que apontou Lionel Messi, destaque do embate passado, com três gols marcados.

“Foi uma partida brilhante para a torcida. Nosso time sempre responde nas grandes ocasiões. Mas agora temos que seguir e pensar no futuro. Estamos próximos da liderança e faltam poucas partidas. Já não podemos cometer erros”, sintetizou o camisa 10 blaugrana.

Durante os treinamentos, que tiveram a presença do atleta Bagnack, do Barcelona B, o clube catalão teve o experiente Carles Puyol como destaque. O zagueiro se movimentou em separado do grupo e realizou um trabalho específico, buscando se recuperar de uma lesão no joelho direito.

Adversário do Barça, o Celta figura no 12º posto, com 33 pontos, trilhando um retrospecto de nove vitórias, seis empates e 14 derrotas. Em seu último compromisso, a equipe de Vigo perdeu para o Málaga em seu domínio, o estádio Balaídos, pelo placar de 1 a 0.

Divulgação
"Estamos próximos da liderança e não podemos cometer erros", disse Lionel Messi (Foto: Miguel Ruíz/FCB)

Derrotados no clássico, os jogadores do Real Madrid entendem que vencer o Sevilla também é importante para realçar o ânimo do clube, vice-líder, atrás do Atlético de Madri nos critérios de desempate. Para tanto, a equipe merengue se pauta em um retrospecto histórico para obter motivação: nos últimos seis jogos contra o Alvirrubro, o clube da capital possui uma média de gols superior a seis.

Porém, o técnico Carlo Ancelotti fez questão de frear tais expectativas, expondo a dificuldade que será encontrada no Ramón Sánchez Pizjuán: “O jogo contra o Sevilla é importante e perigoso, pois o adversário atravessa um bom momento. Porém, é uma oportunidade de reagir positivamente. Tentamos esquecer o clássico e evoluímos bem nos treinamentos”, sintetizou.

Em seu compromisso passado, o Sevilla venceu o Osasuna fora de casa, no estádio Reino de Navarra, pelo placar de 2 a 1. O resultado fez com que a equipe chegasse ao quinto posto, somando 47 pontos.

Divulgação/Real Madrid
"O jogo contra o Sevilla é importante e perigoso, pois o adversário atravessa um bom momento", disse Ancelotti

Colchoneros defendem a liderança em casa – Detentor do primeiro posto no Campeonato Espanhol, o Atlético de Madri terá pela frente o Granada, em seus domínios, o estádio Vicente Calderón. O embate começa às 18 horas (de Brasília). Em caso de vitória, os comandados de Diego Simeone seguirão na liderança.

A quarta-feira ainda traz o duelo entre Rayo Vallecano e Osasuna. O embate, que confronta equipes que lutam contra o rebaixamento, ocorre no estádio Teresa Rivero, às 16 horas (de Brasília).

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade