Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Argel reclama de arbitragem "engessada" e exalta disposição da Lusa

Itápolis (SP)

Sem mais objetivos no Paulistão, a Portuguesa visitou o Oeste nesta terça-feira apenas para cumprir tabela e ajustar a equipe visando a disputa da Copa do Brasil e da Série B do Campeonato Brasileiro. Apesar da derrota por 1 a 0, o técnico Argel Fucks ficou satisfeito com a postura de seus comandados.

“Gostei muito da atitude, achei que os jogadores correram, lutaram. Nós abrimos o time para frente, jogamos com três atacantes, apenas dois volantes e um meia”, analisou, lembrando que a Lusa criou oportunidades para empatar. “Os jogadores tiveram a bola do jogo. O Régis teve uma chance claríssima para fazer o gol de empate. Então estou satisfeito, principalmente pelo segundo tempo, pelo volume de jogo. O goleiro deles fez grandes defesas”, completou.

Desde o começo da partida, a Lusa levou perigo ao gol de Fernando Leal, mas acabou ficando em desvantagem no placar nos minutos finais da primeira etapa. Com 1 a 0 contra, Argel abriu mão do volante Renan para promover o atacante Laércio, apostando nos três atacantes. Mais ofensiva, a Lusa chegou a criar oportunidades, mas não conseguiu empatar. Segundo o treinador, uma das causas da derrota rubro-verde foi a arbitragem, que errou em impedimentos.

“A gente tem que falar, a televisão mostrou. O bandeira aqui desse lado estava engessado, perto do banco de reservas do Oeste. Mas é normal, a gente sabe que é complicado jogar fora, com o adversário precisando”, lamentou o técnico rubro-verde.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade