Futebol/Campeonato Mineiro - ( )

Autuori enxerga problemas do Galo, mas parabeniza Caldense

Do correspondente Wanderson Lima Belo Horizonte (MG)

O técnico Paulo Autuori admitiu que o Atlético-MG teve problemas na partida contra a Caldense, no Independência. O treinador entende que o time alvinegro errou muito por tentar acelerar demais o jogo, situação que segundo ele, foi corrigida na etapa final. O comandante atleticano fez questão de elogiar o comportamento tático da Caldense, que não se limitou a ficar apenas defendendo.

“Tenho que parabenizar a Caldense pela maneira como se comportou, tanto com a bola quanto sem bola. É bom ver isso, e nós que somos do futebol temos que valorizar. No começo estávamos confundindo a pressa com a velocidade que tínhamos que imprimir no jogo. A equipe aos poucos foi melhorando. No segundo tempo entendemos melhor como deveríamos nos comportar”, analisou.

Para Paulo Autuori, a entrada do volante Leandro Donizete ajudou o Atlético-MG a dominar as ações no meio-campo, fato decisivo na vitória do Galo. “Conseguimos controlar o meio-campo com a entrada do (Leandro) Donizete, mas foi uma excelente vitória pela dificuldade que o adversário pôs ao jogo”, comentou o treinador, que entende que as equipes do interior jogam mais recuadas no Horto e se abrem em casa, situação que tem criado problemas para a equipe titular do Atlético-MG.

“Quando vamos jogar fora o adversário se propõe a jogar um pouco mais. Dentro de casa é natural que as equipes passem a se defender. Então tira os espaços, dificulta, exige maior movimentação de todos para criar espaços e jogadas e acho que tem a ver com isso”, concluiu.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade