Futebol/Campeonato Paulista - ( - Atualizado )

Sem riscos na tabela, São Paulo testa reservas contra Botafogo-SP

Ribeirão Preto (SP)

O São Paulo chega à última rodada da primeira fase do Campeonato Paulista sem qualquer necessidade de resultado, pois já tem a liderança do grupo A assegurada matematicamente. Assim, no jogo em que apenas cumpre tabela, o Tricolor testará a força de seus reservas diante do Botafogo-SP, que também tem a dianteira garantida. As duas equipes se enfrentam neste domingo, às 16 horas (de Brasília), no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto.

Em função da viagem para o interior paulista, Muricy preferiu preservar seus titulares, que chegarão mais descansados para as quartas de final, contra o Penapolense. Portanto, o jogo deste domingo se transformou na grande chance dos suplentes que quiserem chamar a atenção do comandante.

Djalma Vassão/Gazeta Press
Muricy Ramalho dá chance ao time reserva, enquanto titulares ganham descanso antes de mata-mata
“É importante fazer observações para o ano todo. Preciso testar para saber se posso contar com eles para o segundo semestre, pois o Brasileiro está chegando. Às vezes, o jogador fica só treinando, mas temos de vê-los em campo também. Vou sentir como esses jogadores estão”, afirmou o técnico.

Até mesmo o goleiro Rogério Ceni, que não tinha o costume de ser poupado, fica fora do compromisso em Ribeirão Preto, dando seu lugar a Denis. Com os novos atletas, o técnico mudou o esquema tático, definindo o time com três zagueiros: Edson Silva, Lucas Silva e Paulo Miranda. Muricy chegou a cogitar uma formação com apenas um atacante, reforçando a armação com Boschilia, mas acabou acertando a escalação com Ewandro e Ademilson na linha de frente.

“O Boschilia é um meia, mas quem vai jogar é o Ewandro, que é atacante e deixa o time mais ofensivo”, explicou o treinador. A expectativa do técnico é de ver a resposta em campo dos garotos.

Assim como o São Paulo, o Botafogo também tem situação bastante confortável, pois é o dono da primeira colocação do grupo B, sem poder ser ultrapassado pelos concorrentes. Porém, ao contrário da equipe da capital, o time de Ribeirão Preto ainda não sabe quem será seu oponente nas quartas de final, ficando a disputa pela segunda vaga entre Ituano e Grêmio Osasco Audax, já que o Corinthians está eliminado.

O técnico Wagner Lopes não poderá contar com o lateral direito Daniel e o zagueiro Lima, que receberam o terceiro cartão amarelo e cumprem punição automática. Em contrapartida, o meia Camilo volta a ficar à disposição, liberado pelos médicos, devendo aparecer como opção no banco de reservas.

Arte GE.Net
FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO-SP X SÃO PAULO

Local: Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto (SP)
Data: 23 de março de 2014, domingo
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP)
Assistentes: Bruno Salgado Rizo e Maria Eliza Correia Barbosa (ambos de SP)
Assistentes adicionais: Adriano de Assis Miranda e Silvio Renato Silveira (ambos de SP)

BOTAFOGO-SP: Gilvan; Alex Silva, César Gaúcho, Henrique Mattos (Rafael Caldeira) e Giovanni; Gilmak, Hudson, Leandro e Wellington Bruno; Mike e Marcelo Macedo
Técnico: Wagner Lopes

SÃO PAULO: Denis; Paulo Miranda, Lucas Silva e Edson Silva; Luis Ricardo, Wellington, João Schmidt, Lucas Evangelista e Reinaldo; Ewandro e Ademilson
Técnico: Muricy Ramalho

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade