Futebol/Campeonato Inglês - ( - Atualizado )

Com um a menos, City vence Hull fora e volta a pressionar o Chelsea

Kingston upon Hull (Inglaterra)

Mesmo com um jogador a menos durante quase todo o jogo, o Manchester City não teve muitas dificuldades para vencer o Hull City por 2 a 0 na manhã deste sábado, fora de casa, pelo Campeonato Inglês. Os gols foram marcados por David Silva e Dzeko, que quebraram jejums pessoais.

Com o resultado, o time de Manchester voltou a pressionar o Chelsea na corrida pelo título nacional. Só seis pontos separam os dois times na tabela de classificação, sendo que o City ainda tem dois jogos a menos. Os Blues têm compromisso com o Aston Villa neste sábado, às 14h30 (de Brasília).

AFP
Com gol e assistência, David Silva quebrou jejum de 17 jogos sem marcar. Dzeko não balançava a rede há oito partidas (foto: LINDSEY PARNABY)
No KC Stadium, em Kingston upon Hull, o City quis se esquecer da eliminação nas oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa, após derrota de 2 a 1 para o Barcelona. Só que a emoção à flor da pele pareceu continuar nos comandados do técnico Manuel Pellegrini.

Tanto é que o zagueiro Kompany, um dos mais experientes da equipe, foi expulso logo aos nove minutos do primeiro tempo. O belga agarrou o centroavante Jelavic, último homem antes do goleiro Hart, foi advertido com o vermelho e se irritou, chutando as paredes do estádio enquanto saía.

Mas a expulsão não incomodou os visitantes, que abriram o placar quatro minutos depois. David Silva recebeu na intermediária, limpou para o pé esquerdo e arriscou de fora da área. A bola morreu no cantinho direito de McGregor, que nada pode fazer.

E, mesmo com dez homens em campo, o City continuou dominando as ações. O volante brasileiro Fernandinho e o centroavante Dzeko saíram na cara do gol, mas pecaram nas finalizações. Mas, no último minuto do tempo regular, o bósnio aproveitou assistência de David Silva e balançou a rede.

O City voltará a campo no sábado que vem, recebendo o lanterna da Premier League, o Fulham, no Etihad Stadium. Enquanto isto, o Hull City, que se manteve nas proximidades da zona de rebaixamento, tentará a recuperação diante do West Bromwich, novamente em casa.

Fernandinho comemora: “Vitória muito importante a de hoje. Após duas eliminações em uma semana, era preciso ganhar esse jogo. Ainda estamos na briga pelo título e, agora, cada partida será igual uma final para nós. O time está de parabéns pelo espírito demostrado hoje", disse.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade