Futebol Internacional - ( - Atualizado )

Cristiano Ronaldo marca dois, bate recorde e Portugal goleia Camarões

Leiria (Portugal)

Nesta quarta-feira, Portugal e Camarões protagonizaram um amistoso, na cidade de Leiria. Sem dificuldades, o esquadrão lusitano triunfou, pelo expressivo placar de 5 a 1. O desfalque da vitória mandante foi Cristiano Ronaldo. Autor de dois gols, o camisa 7 ultrapassou Pauleta e agora é o maior artilheiro da história da seleção, com 48 redes balançadas.

O jogo – Logo aos três minutos, Portugal criou sua primeira chance de gol, em finalização longa de Rafa Silva, que exigiu boa defesa de Itandje. A resposta de Camarões veio aos 11 minutos, em cabeçada de Aboubakar, que parou em intervenção providencial de Beto.

Com 20 jogados, Aboubakar voltou a assustar, mas finalizou por cima da meta mandante. Porém, no minuto seguinte, Cristiano Ronaldo fez a diferença e inaugurou o marcador. O camisa 7 aproveitou um cruzamento rasteiro de João Pereira e finalizou forte, de perna direita, para estufar a rede africana. Com o gol, o atacante do Real Madrid ultrapassou Pauleta e se tornou o maior artilheiro da história de sua seleção, com 48 redes balançadas.

Melhor jogador dos Leões indomáveis em campo, Aboubakar empatou a partida no final do primeiro tempo. Com 43 jogados, o atacante, em posição legal, recebeu livre de marcação e finalizou firme, de pé direito, para vencer o arqueiro lusitano.

Aos 21 minutos da etapa complementar, Portugal voltou a estar em vantagem no marcador. Aproveitando erro da defesa camaronesa, Raul Mereles recuperou a bola e, cara a cara com Assembé, só teve o trabalho de balançar as redes. No minuto seguinte, em boa jogada de Ivan Cavaleiro, Fábio Coentrão finalizou cruzado e anotou o terceiro gol português.

Com a superioridade confirmada, a seleção lusitana aumentou o marcador aos 32 minutos. Após escapar pela ponta esquerda, Cristiano Ronaldo finalizou firme e viu Assembé defender. No rebote, lá estava o oportunista Edinho, para selar o triunfo mandante, em Leiria. O placar foi fechado por Cristiano Ronaldo, que concluiu, de pé direito, um cruzamento preciso feito por Antunes.

AFP
Cristiano Ronaldo inaugurou o marcador e chegou aos 48 gols por Portugal, ultrapassando a marca de Pauleta

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade