Futebol Internacional/Liga dos Campeões da Europa - ( - Atualizado )

Diego Costa sente dores em treino e pode ser desfalque contra o Barça

Madri (Espanha)

Nesta terça-feira, às 15h45 (de Brasília), o Atlético de Madri mede forças com o Barcelona, em partida válida pelas quartas de final da Liga dos Campeões da Europa. Porém, para o embate em solo catalão, o técnico colchonero Diego Simeone não sabe se poderá contar com o atacante brasileiro Diego Costa, artilheiro da equipe na competição internacional, com sete redes balançadas.

Diego Costa, que já tinha sido substituído no compromisso passado, diante do Athletic de Bilbao (vitória por 2 a 1), voltou a acusar dores no joelho esquerdo, durante o treinamento desta segunda-feira, no Camp Nou. Porém, ao tratar da situação do dianteiro, Simeone foi cauteloso: “Como ele deixou a atividade, é difícil que esteja pronto para amanhã. Mas vamos esperar. Há muitas horas e minutos neste intervalo”, enfatizou, em entrevista à TVE.

Adiante, o treinador argentino não poupou elogios para o brasileiro naturalizado espanhol, vice-artilheiro do Campeonato Espanhol, com 25 tentos (três a menos que Cristiano Ronaldo): “O que o Cristiano é para o Real e o Messi é para o Barcelona, o Diego Costa é para nós. Porém, cada qual com sua maneira e estilo. Mesmo diferentes, são fundamentais. Nosso atacante tem um crescimento diário incrível”, disse Simeone.

Por fim, o comandante colchonero fez questão de analisar seu adversário desta terça-feira: “O Barcelona é o Barcelona. Um time que vem demonstrando, há muito tempo, que é um dos melhores do mundo. Sabemos que, para ganhar deles, teremos que estar muito bem compactos e juntos. Eles podem criar uma chance de gol com o mínimo de esforço. Porém, nosso time corre e dá o melhor de si”, completou.

AFP
Diego Costa abandonou o treinamento, com dores no joelho, e preocupa o técnico Diego Simeone

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade