Futebol/Bastidores - ( )

Dudu recebe homenagem por meio século de Palmeiras

São Paulo (SP)

O ex-jogador do Palmeiras, Olegário Tolói de Oliveira, mais conhecido como Dudu, recebe, neste sábado, uma homenagem pelos 50 anos de história como jogador do clube de Palestra Itália. A homenagem será realizada no Lausanne Paulista, clube localizado na Zona Norte de São Paulo.

Dudu, que hoje tem 74 anos, assinou seu primeiro contrato com o Verão em 31 de março de 1964. Antes do Alviverde, o meio-campista defendeu a Ferroviária de Araraquara, no interior de São Paulo.

“Apesar dos pesares, para mim aquele dia foi marcante, mudou a minha vida”, diz Dudu, que não pôde se mudar para a capital naquele dia, pois a cidade estava tomada pelos militares, que derrubaram o presidente João Goulart no mesmo dia.

Acervo/Gazeta Press
Dudu assinou ocntrato com o Palmeiras no dia 31 de março de 1964, há 50 anos
Dudu foi titular do Palmeiras por 12 anos e foi parte de dois dos maiores times da história do clube, conhecidos como primeira e segunda Academias, nos anos 60 e 70.

“Nós tínhamos o Ademir da Guia, que era um craque, e eu fui para a retaguarda. O time encontrou um jeito equilibrado de jogar. Eu marcava, o Ademir tinha a liberdade de fazer as jogadas. Acho que esse era um dos segredos de sucesso daquela equipe. Era difícil ganhar do nosso time”, recorda Dudu.

O autor da homenagem é o jornalista Nelo Rodolfo, vereador e ex-conselheiro do Palmeiras. “É uma homenagem mais do que justa. Dizem que o brasileiro tem memória curta e não valoriza seus ídolos. Com essa partida, queremos reverenciar um atleta que é imortal e ocupa um lugar importante na história centenária do Palmeiras”, justifica.

Acervo/Gazeta Press
Dudu (e), ao lado do maestro Ademir da Guia; ambos estiveram nas 1ª e 2ª Academias palmeirenses

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade