Futebol/Copa do Brasil - ( - Atualizado )

Em clima de frustração, são-paulinos voltam aos trabalhos no CT

Luiz Ricardo Fini São Paulo (SP)

O técnico Muricy Ramalho não deu folga ao elenco depois da eliminação do São Paulo nas quartas de final do Campeonato Paulista. Na tarde desta quinta-feira, o elenco completo retornou aos trabalhos, no Centro de Treinamentos da Barra Funda, em um clima de decepção, sem qualquer brincadeira.

Os 11 jogadores que foram titulares na derrota nos pênaltis para o Penapolense, na noite de quarta, fizeram atividades no gramado. O goleiro Rogério Ceni fez uma movimentação específica com os outros goleiros, enquanto os dez atletas de linha correram ao redor do gramado.

Depois, os jogadores se sentaram ao lado do campo em que os reservas disputavam um jogo-treino contra o time das categorias de base. Com poucas palavras e sem sorrisos, os titulares ficaram por pouco tempo assistindo à movimentação, antes de seguirem para os vestiários.

Fernando Dantas/Gazeta Press
Titulares do São Paulo apenas assistiram ao jogo-treino dos reservas, depois de uma corrida leve
O diretor de futebol, Rubens Moreno, e o gerente, Gustavo Vieira, assistiram ao treino, mas o presidente Juvenal Juvêncio e o vice de futebol, João Paulo de Jesus Lopes, não marcaram presença na reapresentação.

Com a queda no Paulistão, o São Paulo só voltará a ter um compromisso no dia 9 de abril, quando fará a segunda partida da primeira fase da Copa do Brasil, diante do CSA, no estádio do Morumbi.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade