Futebol/Liga dos Campeões - ( - Atualizado )

Em vantagem, Atlético de Madri recebe o Milan para voltar às quartas

Madri (Espanha)

A cabeçada precisa de Diego Costa, no fim da partida de ida, em Milão, garantiu ao Atlético de Madri uma importante vantagem para eliminar o Milan e seguir na Liga dos Campeões. Nesta terça-feira, às 16h45 (de Brasília), espanhóis e italianos disputam o jogo de volta das oitavas de final, no estádio Vicente Calderón.

Protagonista no cenário nacional nesta temporada, o Atlético tem a oportunidade de voltar a figurar entre os grandes da Europa. O time comandado pelo argentino Diego Simeone não chega às quartas de final da Champions desde a temporada 1996-97, quando ainda não existia a fase oitavas de final.

“Nós estamos muito empolgados por star nesta competição e alcançar a próxima fase nos fará crescer como equipe. Eu espero que consigamos fazer isso”, disse o zagueiro uruguaio Diego Godín.

Em relação ao primeiro confronto, o Atlético deverá ter duas novidades: o volante Tiago, recuperado de lesões no punho e no joelho, ficará à disposição de Simeone. Já David Villa voltou a jogar no último sábado, quando fez os dois gols da vitória por 2 a 0 sobre o Celta de Vigo, pelo Campeonato Espanhol.

AFP
Destaque do Atlético de Madri, o hispano-brasileiro Diego Costa tem cinco gols na Liga dos Campeões
Além do placar desfavorável, o Milan também terá de superar o retrospecto negativo: em 25 jogos contra times espanhóis fora de casa, foram 15 derrotas, seis empates e quatro vitórias.

“Estamos prontos para aquilo que será uma difícil batalha. Cada jogo tem uma história diferente. Ninguém pode esquecer que o Milan é um clube que já fez muita história, e nossos jogadores sabem o peso disso. Adotaremos a mesma postura tática da primeira partida e, apesar de respeitar o Atlético, tentaremos explorar nosso poder ofensivo ao longo dos 90 minutos”, afirmou o técnico do Milan, Clarence Seedorf.

Os desfalques serão outro obstáculo para o Milan. Responsável pelo início das jogadas e capitão do time, Montolivo está suspenso. El Shaarawy, com uma séria lesão no pé, segue fora. Já Mario Balotelli (dores no ombro) e Andrea Poli (que se recupera de um trauma na cabeça) são dúvidas para a partida.

Qualquer empate garante o Atlético de Madrid nas quartas de final. Para se classificar, o Milan precisa vencer por qualquer resultado com dois gols ou mais. Vitória por 1 a 0 dos italianos levará a decisão à prorrogação.

AFP
Campeão com o Milan na temporada 2006-07, Kaká tenta ajudar a equipe italiana a chegar às quartas de final
FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO DE MADRI X MILAN

Local: Estádio Vicente Calderón, em Madri (Espanha)
Data: 11 de março de 2014, terça-feira
Horário: 16h45 (de Brasília)
Árbitro: Mark Clattenburg (Inglaterra)
Assistentes: Simon Beck e Stuart Burt (ambos da Inglaterra)

ATLÉTICO DE MADRI: Courtois; Juanfran, Godin, Miranda e Filipe Luís; Suarez, Koke, Gabi e Raúl García; David Villa e Diego Costa
Técnico: Diego Simeone

MILAN: Abbiati; Zapata, Rami, Mexes e De Sciglio; De Jong, Essien, Kaká e Taarabt; Balotelli (Robinho) e Pazzini
Técnico: Clarence Seedorf

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade