Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Evair não resiste à primeira derrota e é demitido do River-PI

Teresina (PI)

Não começou bem a carreira de treinador do ex-atacante palmeirense Evair. Após um primeiro turno decepcionante no comando do River-PI, o técnico conheceu sua primeira derrota na última rodada e acabou demitido.

O River entrou no Estadual com o objetivo de brigar pelo título. No primeiro turno, porém, a equipe ficou de fora das semifinais, apesar de invicta – duas vitórias e cinco empates.

Na época, Evair chegou a entregar o cargo, mas a diretoria não acatou sua demissão e o manteve como comandante do clube. A primeira derrota veio na primeira rodada do 2º turno: 2 a 1 para o Parnahyba, e custou o cargo do ex-atacante.

Durante sua última partida, Evair acabou sendo expulso. Ele fez gestos obscenos em direção ao quarto árbitro. Após a expulsão, o treinador ainda discutiu com torcedores e comissão técnica. Após a chegada da polícia militar, ele deixou o gramado.

O ídolo do Palmeiras procurou se defender do episódio em uma rede social, afirmando que aguarda com paciência que todos os fatos sejam esclarecidos.

“Mais uma vez, afirmo que não tenho pressa para falar sobre o que houve no Piaui. Até agora a história foi contada ouvindo apenas um lado e fora do contexto. Infelizmente pessoas que buscam 30 segundos de fama acham que podem falar o que bem querem. Jamais deixarei sem resposta seja quem for, tanto as pessoas que me admiram, quanto as que criticam. Vocês conhecem minha história de vida”, escreveu.

O auxiliar técnico Lucas Andrade assume o clube de forma interina até o anúncio de um novo treinador.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade