Futebol/Campeonato Paranaense - ( - Atualizado )

Sub-23 do Furacão faz 3 a 1 no Jotinha e reage no Paranaense

Do correspondente Luiz Felipe Fagundes Curitiba (PR)

Com dois tempos bem distintos, o time sub-23 do Atlético Paranaense passou sufoco para arrancar uma vitória sobre o J.Malucelli por 3 a 1, no Ecoestádio Janguito Malucelli, e consolidar sua recuperação no Campeonato Paranaense 2014. Com o resultado, o Furacão chegou aos 12 pontos, e entrou no grupo dos oito primeiro colocados, embolado na disputa pela vaga com o próprio Jotinha.

O Rubro-Negro abriu o placar aos 11 minutos, com Hernani, que aproveitou cobrança de escanteio para testar para o fundo das redes. Crislan, aos 34 minutos, pegou rebote dentro da pequena área para fazer o segundo. Depois do intervalo, em sua segunda cobrança e pênalti, Bruno Batata descontou. Mas aos 39 minutos, Lucas Alves deu números finais ao marcador.

Na próxima rodada, o J.Malucelli recebe o Londrina, quarta-feira, novamente no Ecoestádio Janguito Malucelli. No mesmo local, mas na quinta-feira, é a vez do Atlético Paranaense voltar a campo para encarar o Maringá.

O jogo – O Jotinha tentou surpreender logo no primeiro lance, em uma pontada de Getterson, que chegou à lateral da área, mas cruzou fraco, facilitando para a defesa rubro-negra. Aos três minutos Bruno Batata apareceu com liberdade para arrematar, mas a arbitragem anotou o impedimento. O Furacão tinha a posse de bola, mas mostrava dificuldade para passar por uma defesa bem postada.

O Atlético iniciou uma pressão aos 11 minutos. Primeiro, Hernani achou espaço para o arremate e mandou o petardo para grande defesa de Edvaldo, que cedeu escanteio. Após a cobrança, Hernani subiu na área e testou para o fundo das redes para abrir o placar. Ótimo lançamento em profundidade para Getterson, aos 17 minutos, obrigando Rodolfo a abandonar a meta para se antecipar e defender.

A partida ficou mais truncada, apenas com chutes de longe, como aos 27 minutos, com Wellington, que fez Rodolfo trabalhar. Mas, aos 34 minutos Hernani cruzou, Crislan furou e Nathan bateu para boa defesa de Edvaldo. No rebote, Crislan não errou e marcou o segundo. O atacante Crislan quase fez mais um para o Rubro-Negro, de cabeça, aos 42 minutos, e acertou o poste.

Para a segunda etapa, o Jotinha voltou com Andrezinho no lugar de William. Logo no primeiro minuto, Bruno Batata entrou na área e foi travado. O árbitro marcou a penalidade. O próprio Batata foi para a cobrança e Rodolfo defendeu. Bruno Batata tentava infernizar a defesa atleticana e, aos 10 minutos, invadiu mais uma vez a área e foi derrubado por Rodolfo. Mais uma penalidade. Na cobrança, Bruno Batata balançou as redes.

O técnico Petkovic apostou nas estradas de Jean Felipe e Juninho para tentar diminuir o domínio do J.Malucelli na segunda etapa. Aos 23 minutos, Zezinho desceu pela direita, cruzou rasteio e a zaga apareceu para afastar e ceder o escanteio. Marcos Guilherme tentou uma jogada de efeito, aos 30 minutos, mas entregou nas mãos de Edvaldo. Quem trouxe alívio ao Atlético foi Lucas Alves, que aos 40 minutos aproveitou cruzamento e em duas tentativas conseguiu bater para as redes e fechar o placar.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade