Futebol/Copa Libertadores - ( - Atualizado )

Jorge Wagner admite atuação abaixo do esperado da equipe

Gazeta Press Rio de Janeiro (RJ)

O Botafogo sofreu, mas conseguiu vencer o Independiente Del Valle-EQU, nesta terça-feira, no Maracanã, e segue na liderança do grupo 2 da Libertadores. Mesmo não tendo boa atuação, os alvinegros souberam impedir os avanços dos visitantes para sair de campo com os três pontos. Para o meia Jorge Wagner, a equipe deve tomar como ensinamento o que aconteceu para que não se repita no restante da competição.

“Isso é coisa que acontece durante o jogo. Deixamos espaços para o adversário depois que fizemos o gol. Demos uma recuada e eles tiveram o controle do jogo. Fica de alerta para as próximas partidas. Não podemos deixar isso acontecer, pois, em casa, temos que ter um padrão de jogo e não deixar os adversários respirarem em campo. Estamos felizes pelos três pontos, mas temos que aproveitar sempre as chances”, disse.

Jorge Wagner destacou que o Botafogo precisa vencer o próximo jogo, contra o Unión Española-CHI, no Maracanã, para deixar a classificação encaminhada para as oitavas de final. O meia ressaltou que os alvinegros precisam fazer a lição de casa para não terem que decidir sua vaga contra o San Lorenzo-ARG, na Argentina.

“Temos mais dois jogos, um em casa e outro fora. Nossa obrigação é vencer a partida contra o Unión Española. Depois disso, vamos ver como estará o grupo para decidir as coisas contra o San Lorenzo-ARG, na Argentina. Espero que possamos nos classificar para as oitavas de final em primeiro lugar para ter a vantagem nas próximas fases “, declarou.

O jogador só lamentou o fato de não ter acertado o gol contra o Independiente Del Valle. Jorge Wagner colocou duas bolas no travessão, uma em cada tempo, para desespero da torcida.

“Infelizmente acertei duas bolas no travessão. Trabalho sempre para melhorar as finalizações e espero poder acertar o gol nos próximos jogos”, concluiu.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade