Futebol/Copa do Brasil - ( - Atualizado )

Lesão na coxa pode deixar João Vitor um mês fora; Serginho também para

Criciúma (SC)

Líder do quadrangular final do Campeonato Catarinense, o Criciúma poderá ficar sem o volante João Vitor por até um mês. O atleta já havia sido vetado pelo departamento médico no último fim de semana e não viajou com o Tigre para encarar o Metropolitano. Nesta segunda-feira, foi confirmada a lesão no músculo adutor da coxa direita e o tempo de recuperação estipulado pelos médicos varia de sete a 30 dias.

“Ele ainda vai fazer outros exames, como uma ressonância. Ainda iremos fazer uma avaliação melhor. Mas tenho esperanças de que não seja nada grave”, disse José Carlos Ghedim, médico do Criciúma, ao Diário Catarinense.

Quem também pode desfalcar a equipe do capitão Paulo Baier é o volante Serginho. Ele sentiu dores durante a partida do último domingo e já está no departamento médico, mas ainda não teve o grau de seu problema divulgado.

Após a volta de Blumenau, Serginho realizou exames preliminares que apontaram uma lesão no músculo da perna. Os dois jogadores serão poupados no próximo confronto pela Copa do Brasil, nesta quarta-feira, às 19h30 (de Brasília), no Estádio do Café, diante do Londrina.

Pelo Estadual, o Tigre encara o Joinville, no próximo domingo, às 16h (de Brasília), na Arena, em confronto direito na briga pelo topo da tabela. Na melhor das hipóteses, João Vitor poderá estar à disposição. 

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade