Futebol/Campeonato Paulista - ( - Atualizado )

Pato vê clássico pela TV e comemora vitória em rede social

São Paulo (SP)

Emprestado ao São Paulo em troca que levou Jadson para o Corinthians, Alexandre Pato não foi ao Pacaembu, na tarde deste domingo. O atacante assistiu à partida pela televisão e, depois do apito final, comemorou através de uma rede social a vitória de seu novo time por 3 a 2.

"Grande vitória", escreveu o jogador, no Twitter.

Pato tem contrato com o Corinthians até o fim de 2016, razão pela qual a mensagem gerou polêmica e foi apagada por ele pouco depois. O atacante, no entanto, decidiu mais tarde publicá-la novamente, com hashtags #avantesoberano e #vamosSaoPaulo.

Mário Gobbi, presidente do Corinthians, não gostou quando soube da atitude do jogador. "O que o Pato esqueceu é que, em janeiro de 2016, ele tem que se apresentar na Rua São Jorge, 777, quinto andar. Algumas coisas mostram que pessoas não sabem ganhar. O Corinthians só ganhou tudo nestes seis anos porque soube perder e também soube ganhar, é uma dádiva", rebateu.

No acordo entre os dois clubes, ficou decidido que tanto Pato quanto Jadson só poderiam enfrentar suas antigas equipes com o pagamento de uma multa. Neste domingo, o Corinthians respeitou o contrato, e seu novo meia acompanhou o jogo da arquibancada, enquanto o agora são-paulino, já impossibilitado de atuar no Campeonato Paulista, ficou em casa.

Reprodução/Twitter
Pelo Twitter, atacante são-paulino, cujos direitos ainda são ligados ao Corinthians, comemorou o triunfo
O atacante não pode mais atuar na competição estadual por já ter excedido o limite de partidas disputadas para defender outro time. Jadson, porém, tem disputado o campeonato normalmente e vem sendo, inclusive, um dos destaques do time treinado por Mano Menezes - ele anotou três gols e deu quatro assistências em cinco jogos.

A estreia de Pato com a camisa 11 do São Paulo ainda não ocorreu. O jogador tem treinado no CT da Barra Funda há quase um mês e irá a campo pela primeira vez na quarta-feira, diante do CSA, em Maceió, na abertura da Copa do Brasil.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade