Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Peru não libera espaço aéreo e avião do Botafogo volta ao Equador

Guayaquil (Equador)

O árbitro Manuel Garay não foi o único peruano a dar dor de cabeça aos botafoguenses neste meio de semana. Duas horas após decolar de Quito rumo ao Rio de Janeiro, a delegação alvinegra precisou voltar porque autoridades peruanas impediram que o avião fretado sobrevoasse seu espaço aéreo. Com isso, a chegada ao Brasil, prevista para as 8 horas desta quinta-feira, precisou ser adiada.

Ao ser obrigada a voltar ao Equador, a aeronave pousou em Guayaquil para reabastecer e aguardar que nova rota fosse traçada até o Rio de Janeiro. Assim, os jogadores precisaram esperar cerca de uma hora no chão antes de decolar novamente.

Em campo, o Botafogo acabou derrotado por 2 a 1 pelo Independiente Del Valle nesta quarta-feira e mostrou indignação com a arbitragem. A reclamação gira em torno das expulsões de Bolívar e Edílson, além da não marcação de possíveis faltas cometidas pelo time mandante.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade