Futebol/Futebol Internacional - ( - Atualizado )

Técnico do Arsenal revela “problema muito sério” no tendão de Özil

Londres (Inglaterra)

O torcedor do Arsenal que abrir o jornal nesta manhã de quarta-feira só encontrará más notícias. Além da eliminação nas oitavas de final da Liga dos Campeões, os Gunnersainda podem perder força com o desfalque de seu principal homem de criação. Segundo o treinador Arsène Wenger, o meia Özil sofre de dores no tornozelo e deve ficar “algumas semanas” de molho.

“Ele está com um problema no tendão que parece muito sério. Não sei por quanto tempo ele vai ficar fora. Temos que fazer um exame para verificar, mas ele está fora por pelo menos algumas semanas. Espero que não seja grave”, lamentou o treinador, que foi obrigado a substituir o jogador alemão ainda no intervalo da partida contra o Bayern de Munique nesta terça-feira, quando o placar ainda estava em zeros.

Com o resultado final de 1 a 1, o Arsenal foi eliminado da Liga dos Campeões por ter sido derrotado na primeira partida por 2 a 0, em Londres. Com a queda no torneio continental, os Gunnerspassam a concentrar as forças em duas competições e a lesão de Özil pode ser um grande problema devido à sequência de jogos decisivos. Neste mês, além do clássico contra o Tottenham, os comandados de Wenger ainda encaram Chelsea e Manchester City, concorrentes diretos ao título do Campeonato Inglês.

Apesar das partidas importantes que Özil pode perder se confirmada a lesão no tornozelo, a maior preocupação é quanto à Copa do Mundo. Titular absoluto no meio-campo alemão, o jogador era presença certa no torneio, mas agora precisa passar por avaliação para saber se daqui a três meses terá condições de atuar em solo brasileiro.

AFP
Meia teve dificuldades para vencer marcação bávara e, com dores no tornozelo, acabou substituído no intervalo

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade