Futebol/Campeonato Paulista - ( - Atualizado )

Timão se despede do Pacaembu com três de Romarinho, e rebaixa Sorocaba

São Paulo (SP)

Com a eliminação confirmada no último final de semana, o Corinthians precisava encerrar a sua participação no Campeonato Paulista de forma honrosa, afinal, o último compromisso também marcaria sua despedida do estádio do Pacaembu. Sendo assim, os comandados de Mano Menezes não decepcionaram o pequeno público que encarou o frio paulistano na tarde deste domingo, vencendo o Atlético de Sorocaba com facilidade, por 3 a 0.

Para se despedir do Pacaembu em grande estilo - o próximo compromisso da equipe, já pelo Campeonato Brasileiro, será na Arena Corinthians - o time alvinegro contou com Romarinho em tarde inspirada. O atacante abriu o marcador ainda no primeiro tempo, ampliou de cabeça já na segunda etapa e finalizou sua exibição de gala marcando o terceiro.

Com o resultado, o Corinthians se despede do Pacaembu neste Campeonato Paulista na terceira colocação de seu grupo, com 24 pontos. Já eliminado da competição estadual, o time de Mano Menezes agora foca na Copa do Brasil e no Campeonato Brasileiro. O próximo compromisso marcado é apenas no dia 20 de abril, contra o Atlético-MG, fora de casa, na estreia da Série A.

O Atlético Sorocaba, por sua vez, que precisava vencer o seu compromisso e ainda torcer por uma combinação de resultados para escapar da degola, teve que amargar o rebaixamento à Série A2 do Campeonato Paulista. Ao lado da equipe derrotada neste domingo, Paulista de Jundiaí, Comercial e Oeste jogarão a segunda divisão na próxima temporada.

Divulgação/Agência Corinthians
Romarinho marcou três vezes e garantiu a vitória do Timão sobre o Sorocaba (Crédito: Crédito: Daniel Augusto Jr)
O jogo - Já eliminado, o Corinthians entrou sem maiores pretensões para disputar o seu último jogo no Pacaembu – o próximo compromisso da equipe, já pela estreia do Campeonato Brasileiro, será na Arena, em Itaquera. Por outro lado, o Atlético Sorocaba precisava vencer de qualquer maneira para ainda sonhar com a permanência na primeira divisão do Estadual.

A necessidade do resultado, no entanto, pouco refletiu dentro de campo. Bastante superior tecnicamente, o Corinthians não teve trabalho para envolver o time sorocabano, que se limitou a permanecer no campo de defesa e achar espaço para encaixar um contra-ataque. Com uma linha ofensiva rápida, a equipe de Mano Menezes não demorou a dar trabalho ao goleiro Deola.

Renato Augusto e Jadson chegavam com liberdade ao ataque, Romarinho e Luciano se movimentavam para abrir espaços na defesa, enquanto Fábio Santos e Fágner não deixavam de se apresentar pelas pontas. As melhores chances de gol ao longo do primeiro tempo, no entanto, foram em chutes de fora da área, com os dois principais jogadores da armação alvinegra.

Arte GE.Net
O Atlético Sorocaba, por sua vez, sofria com a falta de qualidade de seus jogadores. Nos poucos momentos em que o Corinthians cedia o contra-ataque, faltava entrosamento para os visitantes armarem uma boa jogada no campo ofensivo, o que facilita o trabalho da zaga alvinegra. O goleiro Cássio, portanto, quase não trabalho durante os 45 minutos iniciais.

O gol corintiano parecia questão de tempo e acabou saindo de uma forma não tão provável. Apesar da facilidade para penetrar na defesa sorocabana com as rápidas trocas de passes, o Timão também apostou na bola aérea e assim balançou as redes. Renato Augusto fez o cruzamento, Deola saiu mal, Felipe desviou de cabeça e Romarinho apareceu para completar ao fundo das redes.

O lance, aos 38 minutos do segundo tempo, poderia mudar o cenário da partida, mas pouco efeito surtiu. Mesmo diante de um resultado que decretava o seu rebaixamento, o Sorocaba seguiu no campo de defesa. O Corinthians, por sua vez, aproveitou a falta de qualidade do adversário e quase marcou com Jadson, após linda tabela com Romarinho na entrada da área.

Na volta do segundo tempo, o Corinthians seguiu melhor. O Atlético Sorocaba até tentou assustar nos minutos iniciais, mas, com naturalidade, a equipe de Mano Menezes retomou o domínio da partida. Aos 16, Felipe quase ampliou a vantagem, mas Deola, segundo a arbitragem, tirou a bola em cima da linha, o que gerou protestos por parte dos jogadores corintianos.

A reclamação de que a bola teria entrado, no entanto, logo foi abafada. Aos 25 minutos, Guilherme recebeu pela direita, levantou a cabeça e fez o cruzamento na medida para Romarinho, que apareceu com muita liberdade, desviou de cabeça e anotou o seu segundo gol na partida. Ainda insatisfeito, o atacante do Corinthians marcou mais um, vivendo uma tarde de gala no Pacaembu.

Para se despedir com grande estilo do tradicional estádio paulistano, Romarinho recebeu o passe em profundidade de Jadson, sai nas costas da zaga e tocou na saída de Deola, que nada pôde fazer. Era o terceiro do atacante, selando um resultado que confirmava o rebaixamento do Atlético Sorocaba à segunda divisão do Campeonato Paulista.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade