Futebol/Copa da Inglaterra - ( - Atualizado )

Arsenal derruba Wigan nos pênaltis e fica a um jogo de encerrar jejum

Londres (Inglaterra)

O Arsenal conquistou de maneira sofrida sua classificação à final da Copa da Inglaterra. Sem erguer um troféu desde 2005, a equipe voltou a apresentar as dificuldades apresentadas em jogos mais importantes no Campeonato Inglês, mas conseguiu derrotar o Wigan nos pênaltis, por 4 a 2, após empate por 1 a 1.

O triunfo em Wembley deixou o time dirigido por Arsene Wenger a uma partida de encerrar um longo jejum. Campeã da Copa da Inglaterra há nove anos, a formação londrina disputará a decisão em 17 de maio, também em Wembley, contra o vencedor do duelo de domingo entre Hull City e Sheffield United.

Houve oportunidades para os dois times no primeiro tempo, mas o placar só foi aberto na etapa final, aos 13 minutos, em pênalti cometido por Mertesacker e convertido por Gómez. O Arsenal pressionou e acertou uma bola na trave antes de empatar, aos 35, após cobrança de escanteio. Chamberlain tentou aproveitar a sobra e viu Mertesacker completar de cabeça.

AFP
Fabianski defende o pênalti de Collison e deixa o Arsenal mais perto de findar seu jejum de títulos
Houve poucas oportunidades daí em diante, com muita cautela de ambas as partes até o término da prorrogação. Na disputa por pênaltis, o Arsenal esteve sempre à frente graças ao bom trabalho do goleiro Fabianski e das más batidas dos jogadores do Wigan, que falharam na busca pelo bicampeonato.

Caldwell abriu a disputa parando em Fabianski, que também defendeu o segundo pênalti do Wigan, cobrado por Collison. Com dois gols à frente (Arteta e Kallstrom), o Arsenal manteve a tranquilidade. Beausejour e McArthur marcaram para o Wigan, mas Giroud e Cazorla fecharam a disputa.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade