Futebol/Campeonato Mineiro - ( - Atualizado )

Atlético-MG e Cruzeiro iniciam disputa pela centésima edição

Do correspondente Wanderson Lima Belo Horizonte (MG)

A edição de número 100 do Campeonato Mineiro vai começar a ser decidida neste domingo. Os maiores rivais de Minas Gerais, Atlético-MG e Cruzeiro, são os finalistas, e chegam à grande decisão embalados por uma semana de bons resultados na Copa Libertadores. O palco da primeira decisão será o Independência, às 16 horas (de Brasília), e os holofotes de todo o Brasil estarão ligados no desempenho dos jogadores atleticanos e cruzeirenses.

Como o mando de campo é do Galo, a cúpula celeste abriu mão da carga de 10% de ingressos a que teria direito, o que vai resultar em um jogo somente com presença de alvinegros. Serão mais de 20 mil torcedores, que prometem empurrar o Atlético-MG para cima da Raposa para reverter a vantagem do rival, que fez melhor campanha na fase classificatória.

Por isso, para buscar o tricampeonato os atleticanos terão que vencer ao menos um dos dois clássicos decisivos. Dois empates ou vitória e derrota pela mesma diferença de gols garantem o título ao Cruzeiro, situação que o Galo quer evitar. Em 2013, o cenário era semelhante, e o Galo reverteu a vantagem e levantou a taça.

Divulgação/Cruzeiro E. C.
Zagueiro Bruno Rodrigo comemora um dos gols do Cruzeiro na vitória por 2 a 0 sobre a Universidad do Chile
Um ingrediente que pode fazer a diferença no desempenho das duas equipes é o desgaste físico. Atlético-MG e Cruzeiro jogaram na última quinta-feira, fora de casa, pela Libertadores, e tiveram pouco tempo para se preparar. Por conta disso, a condição física poderá influenciar no resultado final, mas os jogadores e as comissões técnicas garantem que o clássico terá foco total de ambos os lados.

O técnico Paulo Autuori afirma que o Atlético-MG terá que jogar no limite para superar o rival. O treinador entende que o futebol de Minas Gerais é hoje o centro das atenções no Brasil, e que precisa fazer bonito neste clássico. “Espero que seja um grande clássico, dentro e fora de campo, e que possamos passar uma imagem positiva do futebol mineiro. Teremos que jogar nosso melhor, no limite físico, técnico e mental, para conseguir a vitória, que seria importante”, declarou.

No Cruzeiro, o sentimento é o mesmo, mas na visão de Júlio Baptista o cansaço e a falta de tempo de preparação não vão prejudicar a Raposa, que segundo ele, vai se superar em campo para sair do Horto com a vitória. “Não tivemos tempo para descansar para o clássico, mas temos que nos superar, vamos procurar fazer um bom jogo e conquistar uma boa vitória para poder decidir em casa”, afirmou.

Sobre as equipes que entram em campo, o Atlético-MG segue sem poder contar com o volante Josué e com o atacante Fernandinho, que se recupera de lesão muscular. Com isso, Paulo Autuori poderá manter Guilherme e Ronaldinho na armação das jogadas, mas R10 é dúvida para o jogo, já que sofreu uma pancada no meio de semana.

Pelo lado celeste, Marcelo Oliveira já pode contar com o volante Nilton, que estava suspenso na partida contra a La U, pela Libertadores. Henrique pode deixar o time. No ataque, Borges volta a ficar à disposição. O jogador se recuperou de lesão, mas não jogou no Chile, e deverá ser ao menos opção no banco de reservas.

Divulgação/Atlético Mineiro
Jogadores do Atlético-MG celebram o gol de Guilherme, que garantiu o empate por 1 a 1 contra o Santa Fé
FICHA TÉCNICA 
ATLÉTICO-MG X CRUZEIRO

Local: Estádio Independência, em Belo Horizonte (MG)
Data: 06 de abril de 2014, domingo
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Francisco Carlos do Nascimento (FIFA/AL)
Assistentes: Kleber Lucio Gil (FIFA/SC) e Cleriston Cley Barreto Rios (FIFA/SE)

ATLÉTICO-MG: Victor; Marcos Rocha, Otamendi, Leonardo Silva e Dátolo; Pierre, Leandro Donizete, Guilherme e Ronaldinho; Tardelli e Jô
Técnico: Paulo Autuori

CRUZEIRO: Fábio; Ceará, Bruno Rodrigo, Dedé e Samudio; Lucas Silva, Nilton, Ricardo Goulart e Everton Ribeiro; Dagoberto e Júlio Baptista
Técnico: Marcelo Oliveira

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade