Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Bruno César cita "identificação" para defender permanência de Kardec

Arthur Carvalho, especial para a GE.net São Paulo (SP)

Não se fala em outro assunto no Palmeiras. Em entrevista coletiva realizada na Academia de Futebol após o primeiro treino desta quinta-feira, Bruno César comentou a indefinição em torno de Alan Kardec mostrando estar otimista para a permanência do companheiro no Verdão.

“Creio que as duas partes demorem um pouquinho para se acertar, mas acho que a identificação com o clube facilita para ele permanecer”, opina o meio-campista. “Tenho certeza de que o Alan se identificou com o Palmeiras, mas tem outras questões. Acho que vai demorar um pouco por causa disso”, completa.

O atual vínculo do centroavante com o Verdão se encerra no próximo mês de junho e as negociações para a compra definitiva estão emperrando nos salários. O pai de Kardec afirma que os valores pedidos são baixos porque o jogador tem vontade de seguir, mas ainda assim o clube não aceita.

Alheio à indefinição, Bruno César defende que o artilheiro do Palmeiras no ano permaneça. “Kardec já mostrou isso na Série B e no Campeonato Paulista. Já mostrou que é muito importante para o Palmeiras. Ele ficando vai nos ajudar muito”, afirma.

Por mais da metade da entrevista, Bruno César respondeu à perguntas sobre o companheiro de equipe. Muito porque o jogador que participaria desta coletiva seria o próprio Alan Kardec, mas as declarações do pai do centroavante fizeram a assessoria de imprensa alviverde mudar de ideia para preservar o jogador.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade