Futebol/Mercado - ( - Atualizado )

Dirigente revela proposta de R$ 50 milhões por zagueiro Dedé

Do correspondente Wanderson Lima Belo Horizonte (MG)

Atual campeão Brasileiro, o Cruzeiro conseguiu manter os principais jogadores para está temporada, mas o clube recebeu propostas para negociar atletas como Dedé e Everton Ribeiro, porém, a cúpula celeste optou por segurar os jogadores. A revelação foi feita nesta sexta-feira, pelo diretor de futebol Alexandre Mattos.

Segundo ele, o Cruzeiro recebeu uma oferta de cerca de R$ 50 milhões por Dedé e outra pelo armador Everton Ribeiro. “Proposta oficial tivemos uma do Zenit de 16 milhões de euros pelo Dedé e outra de um fundo de investimentos pelo Everton Ribeiro. O Cruzeiro não aceitou nenhuma delas. Isso foi já tem um tempo, dois, três meses atrás”, revelou.

Além de Dedé e Everton Ribeiro, mais jogadores do elenco da Raposa também foram procurados por outros clubes, como o volante Nilton. O atleta teve o nome ventilado na Inter de Milão, mas de acordo com Alexandre Mattos, o clube que procurou o Cruzeiro foi outro.

“Houve procura de empresário. Não houve procura da Inter de Milão. Empresários ligados não só a Inter, mas a um clube da Espanha e a outro da Itália. E não só pelo Nilton, como também pelo Lucas Silva, Everton Ribeiro, Ricardo Goulart e Mayke. Isso é corriqueiro. Mas não existe proposta oficial. O que eu chamo de proposta oficial é o papel timbrado bonitinho. Isso a gente não teve”, afirmou.

Divulgação
O Cruzeiro teria recebido uma oferta de cerca de R$ 50 milhões por Dedé (crédito: Washington Alves/Light Press)

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade