Futebol/Copa 2014 - ( - Atualizado )

Estudo descarta solo como causador de acidente na Arena Corinthians

São Paulo (SP)

No dia 27 de novembro de 2013, a Arena Corinthians foi palco de um acidente, envolvendo um guindaste do tipo LR 11350, considerado o maior do Brasil. Na ocasião, a estrutura teve sua lança rompida, causando a queda de uma peça da cobertura do estádio. Porém, em estudo exposto pela consultoria especializada GeoCompany, o solo foi descartado como agente causador do imprevisto, sendo considerado estável e corretamente dimensionado. Tal relatório foi encomendado pela empresa Odebrecht.

Durante sua 38ª ação no novo estádio alvinegro, o guindaste, com capacidade para erguer até 1.500 toneladas, concluía o içamento do último módulo da estrutura da cobertura metálica da Arena, que pesa 420 toneladas. Entretanto, sua lança acabou rompida, causando a queda da peça sobre parte do prédio leste.

De acordo com o laudo, que possui mais de mil páginas, “o aterro foi compactado corretamente, mantendo a estabilidade necessária, seguindo as definições estabelecidas pelo fabricante do guindaste”. Os estudos da área do acidente tiveram início em dezembro do ano passado e foram concluídos em 90 dias, trazendo consigo a análise de mais de 200 pontos da região comprometida.

Os resultados ainda atestaram uma grande impermeabilidade do solo. Desta maneira, a água das chuvas, que ocorreram na semana anterior ao acidente, não penetraram no terreno, sendo imediatamente drenadas pela laterais da área. Assim, a estabilidade do solo não foi afetada.

Após a conclusão, o laudo da GeoCompany foi revisado e certificado por três especialistas em engenharia de solo: Liede Legi Bariani Bernucci, vice-diretora e chefe do Departamento de Engenharia de Transportes da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP); Sandro Sandroni, professor da PUC-RJ e doutor em Engenharia Geotécnica; e Alberto Teixeira, especialista em engenharia geotécnica e professor aposentado da Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR).

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade