Futebol/Campeonato Alemão - ( - Atualizado )

Exposto, Bayern goleia Bremen, mas mostra desorganização defensiva

Munique (Alemanha)

O Campeonato Alemão virou pré-temporada para o Bayern. Campeão com sete rodadas de antecedência, o time usa os compromissos domésticos para fazer testes visando a Liga dos Campeões. Com equipe descaracterizada, o time bávaro recebeu o Werder Bremen pela 32ª rodada e foi surpreendido no primeiro tempo. Mostrando falhas defensivas quando exposto a contra-ataques, o time de Munique sofreu dois gols devido à desorganização, mas deslanchou na segunda etapa ao apertar o cerco sobre o adversário. Ribéry, Pizarro (duas vezes), Schweinsteiger e Robben foram às redes e consolidaram o placar de 5 a 2. Selassie e Hunt anotaram os gols visitantes.

O resultado pouco influencia na disputa do Campeonato Alemão, já que o Bayern nada de braçadas na ponta da tabela, mesmo com três tropeços nas últimas cinco rodadas. Mas o resultado pode gerar consequências nesta terça-feira, quando o time de Munique precisa vencer o Real Madrid por dois gols de diferença para estar na final da Liga dos Campeões. A tendência é que os espanhóis explorem os contragolpes e, se a defesa bávara se comportar da mesma maneira, pode complicar os planos alemães.

AFP
Após boa assistência de Pizarro, Ribéry invadiu a área para marcar o primeiro do Bayern (foto: Christof Stache)
Já o Werder Bremen vai se despedindo da temporada de cabeça erguida. Após flertar com o rebaixamento durante boa parte do Campeonato Alemão, a equipe alviverde está garantida na elite ao ocupar a 12ª colocação com 36 pontos. Na rodada que vem, o time de Bremen recebe o Hertha Berlin no Weserstadion no próximo sábado.

O jogo – Apesar de comandar a partida ao manter a posse de bola, o Bayern de Munique tomou o primeiro gol logo aos dez minutos. Em contra-ataque, o congolês Makiadi acionou Selassie nas costas de Alaba e o meio-campista não perdoou. Na saída do goleiro, bateu firme de direita para abrir o placar.

Os visitantes quase ampliaram seis minutos depois, quando Neuer errou ao sair jogando com os pés e só não tomou o segundo porque Junuzovic chutou fraco e não conseguiu encobri-lo. A resposta dos bávaros foi cirúrgica aos 20 minutos, quando o centroavante Pizarro mostrou cacoete de armador. Ao perceber Ribéry se desmarcar, o peruano deu a assistência e o francês recebeu em boa posição para bater de canhota, entre as pernas do goleiro Wolf, e empatar.

No restante da etapa inicial, o cenário se manteve: enquanto o Bayern avançava seu jogo até a intermediária adversária para procurar espaço na troca de passes, o Werder se mantinha enclausurado em seu próprio campo. Constantemente cercando o adversário, o time da casa levou perigo em chute longo de Pizarro, mas Wolf rebateu. Boateng também criou boa chance, mas Fritz impediu a virada em cima da linha.

Em duas escapadas em contragolpes, o time visitante encontrou o Bayern de Munique desorganizado durante alguns segundos, mas não conseguiu resolver as jogadas rapidamente. Até que Di Santo apareceu aos 36 e desmontou o desarrumado setor defensivo bávaro. O tcheco recebeu na ponta direita e encontrou Aaron Hunt no lado oposto, onde o camisa 14 teve tempo de limpar Boateng e tocar com tranquilidade para colocar o Werder Bremen novamente à frente.

AFP
Assim como ocorreu contra o Real Madrid, Bayern voltou a tomar gol nas costas de Alaba (foto: Christof Stache)
Pouco depois, Neuer voltou a assustar a torcida mandante ao tentar driblar Di Santo dentro da área e foi obrigado a ceder escanteio. Mas a rede só balançou de novo no segundo tempo, e a favor do Bayern. Aos oito minutos da etapa final, Pizarro aproveitou desvio de Muller após escanteio para aparecer no segundo pau e empurrar para o gol.

O centroavante peruano cheira a gol. No lance seguinte, o oitavo maior artilheiro da história do Bayern mostrou novamente ótimo posicionamento ao receber de Alaba dentro da área e completar para virar a partida. Antes bastante complicada, a partida virou goleada com a desatenção da defesa do Werder Bremen. Aos 15 minutos, Lahm cruzou na área e Schweinsteiger subiu no terceiro andar para testar firme e fazer o quarto gol bávaro.

A partir daí, o time da casa passou a oprimir ainda mais o adversário, frequentando a área sem muita resistência do Bremen. O quinto gol, porém, veio em chute longo de Robben. Em seu primeiro lance após entrar na partida, aos 29 minutos, o holandês fez sua jogada característica ao avançar ajeitando a bola para a canhota e arrematar com precisão no canto esquerdo. Ribéry e Muller tiveram chances de ampliar, mas a partida terminou mesmo 5 a 2.

Confira os resultados deste sábado do Campeonato Alemão:

Bayern de Munique 5 x 2 Werder Bremen
Wolfsburg 2 x 2 Freiburg
Hoffenheim 0 x 0 Eintracht Frankfurt
Mainz 2 x 0 Nuremberg
Hertha Berlin 2 x 0 Eintracht Braunschweig

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade