Futebol/Copa do Brasil - ( - Atualizado )

Fluminense, pressionado, estreia Cristóvão contra Horizonte

Gazeta Press Rio de Janeiro (RJ)

O técnico Cristóvão Borges vai estrear no comando do Fluminense nesta quinta-feira, às 19h30 (de Brasília), diante do Horizonte-CE no Maracanã, pelo confronto de volta da primeira fase da Copa do Brasil. Na ida, os cearenses venceram por 3 a 1 e agora podem perder até por um gol de diferença que mesmo assim garantem a classificação. Aos cariocas resta fazer 2 a 0, e avançar por conta do gol marcado como visitante, ou bater os nordestinos por três ou mais gols de diferença. Se devolver o 3 a 1, o Fluminense forçará a disputa de pênaltis.

Cristóvão Borges substitui Renato Gaúcho, que não resistiu à eliminação no Campeonato Carioca. O novo treinador chega com o aval da torcida e dos jogadores, embora não seja do agrado da patrocinadora. Portanto, os bons resultados em campo serão fundamentais para que a temporada seja bem mais tranquila que a do ano passado, quando o Tricolor foi rebaixado no Campeonato Brasileiro em campo, evitando a queda apenas nos Tribunais.

“Sabemos que temos um desafio bem maior do que este jogo contra o Horizonte, mas estamos preparados porque confiamos nesses jogadores e sabemos que o time do Fluminense pode render muito mais do que vem rendendo nesta temporada. Contra o Horizonte, apesar do pouco tempo de preparação, acredito que o nosso time tenha potencial para conseguir a classificação”, disse Cristóvão.

Divulgação/Fluminense F.C.
No Ceará, o Horizonte derrotou o Fluminense por 3 a 1. Nesta quinta, com Cristóvão no comando, o Tricolor tenta reverter o placar negativo no Maracanã/FOTO: Nelson Perez

Os jogadores esperam que a chegada do técnico represente realmente uma nova fase, já a partir deste duelo contra o Horizonte. Justamente por isso estão convocando os torcedores a "abraçarem" o time.

“Historicamente, a torcida do Fluminense, quando dá apoio ao time, consegue que a nossa equipe tenha bons resultados. Com ela somos mais fortes e normalmente conseguimos os nossos objetivos. O jogo de quinta-feira é o mais importante do ano até aqui e, mesmo não definindo o sucesso da temporada, é importante para a nossa sequência na Copa do Brasil. Portanto, queremos muito o apoio da nossa torcida”, afirmou o meia argentino Darío Conca.

Em termos de escalação, Cristóvão deverá promover duas mudanças em relação à base que vinha sendo montada por Renato. No meio-de-campo, o colombiano Valencia, lutando contra uma lesão sofrida no músculo adutor da coxa esquerda, fica de fora e será substituído pelo meia Wágner, o que deixa visível o desejo do treinador de abrir mão do esquema com três volantes. No ataque, Walter foi barrado para a entrada de Rafael Sóbis.

Pelo lado do Horizonte, o técnico Roberto Carlos tem procurado trabalhar o aspecto psicológico dos jogadores para que eles acreditem que podem confirmar a classificação no Rio de Janeiro.“Mostramos no primeiro jogo que temos condições de enfrentar o Fluminense de igual para igual e vamos ao Maracanã com o pensamento de fazermos um grande jogo e garantirmos a classificação”, disse Roberto Carlos.

Em termos de escalação, o treinador deverá manter a base do primeiro jogo. O Horizonte foi eliminado do Campeonato Cearense há mais de uma semana, o que deu ao time tempo de sobra para se preparar para este duelo.

FICHA TÉCNICA

FLUMINENSE X HORIZONTE

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)

Data: 10 de abril de 2014 (Quinta-feira)

Horário: 19h30(de Brasília)

Árbitro: Anderson Daronco (RS)

Assistentes: Rogério Zanardo (SP) e Daniel Ziolli (SP)

FLUMINENSE: Diego Cavalieri, Bruno, Gum, Elivélton e Carlinhos; Diguinho, Jean, Wágner e Darío Conca; Rafael Sobis e Fred Técnico: Cristóvão Borges

HORIZONTE: Jefferson, Diego Maradona, Douglas, Ramon e Rick; Albano, Rafael Tchuca, Fernando Sobral e Diego Palhinha; Marciel e Dico Técnico: Roberto Carlos

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade