Futebol/Copa Libertadores da América - ( - Atualizado )

Gol no fim faz Cruzeiro sentir "gostinho de vitória" no Mineirão

Do correspondente Wanderson Lima Belo Horizonte (MG)

O Cruzeiro encontrou muitas dificuldades na partida contra os paraguaios do Cerro Porteño, e mesmo jogando no Mineirão, só conseguiu o empate nos acréscimos do segundo tempo. Após a partida, os jogadores da Raposa admitiram que o jogo foi complicado, e na avaliação do armador Everton Ribeiro o empate no finalzinho deixa um gosto de vitória.

“Jogo difícil. Eles pouco chegaram e foram eficientes. Marcamos no final e saímos até com um gostinho de vitória pelas circunstâncias do jogo, mas agora vamos buscar lá fora porque temos condições para isso. Esse gol deixa o Cruzeiro na briga para buscar essa classificação jogando fora de casa”, declarou.

O zagueiro Dedé também comemorou muito o gol no fim da partida, e afirma que o excesso de partidas pode ter prejudicado o Cruzeiro no duelo desta quarta-feira. O defensor acredita que o time celeste tem condições de ir ao Paraguai e voltar com a classificação para as quartas de final.

"Foi um jogo difícil, a gente vem de cinco partidas decisivas, estamos cansados, mas as coisas começam a acontecer positivamente para nós. Levamos um gol contra o Defensor no último minuto, e agora foi a nossa vez de empatar no último minuto. Estamos vivos e vamos para o Paraguai para buscar a classificação", disse.

AFP
Apesar do resultado ruim, a torcida celeste fez muita festa com o gol de empate no finalzinho do jogo

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade