Futebol/Copa do Brasil - ( - Atualizado )

J.Malucelli surpreende em Salvador e elimina Vitória nos pênaltis

Salvador (BA)

Em mau momento na temporada, o Vitória amargou mais um episódio ruim na noite desta quarta-feira. O time baiano recebeu o J.Malucelli no Pituaçu, já que o Barradão está interditado, e acabou sendo eliminado da Copa do Brasil já na primeira fase. Depois de empatar em 1 a 1 no tempo regulamentar, os paranaenses mostraram um belo aproveitamento na cobrança de pênaltis, vencendo por 5 a 3.

O Vitória não precisava encantar o seu torcedor. Depois de arrancar um empate em 1 a 1 no primeiro jogo, o time baiano poderia avançar à próxima fase até mesmo com uma nova igualdade, mas desta vez sem gols. Ainda assim, a torcida rubro-negra que compareceu ao Pituaçu pouco se importou e cobrou um futebol bonito de seu time diante de um adversário teoricamente mais fraco.

Dentro de campo, porém, os baianos sequer conseguiram envolver o J.Malucelli, que jogava de igual para igual com os donos da casa, oferecendo perigo, em alguns lances, ao gol do Vitória. Sendo assim, ainda no primeiro tempo, já foi possível ouvir algumas vaias do pequeno público que compareceu ao estádio.

Divulgação/Vipcomm
O camisa 9 Dinei foi o único a desperdiçar um pênalti na eliminação do Vitória (Crédito: Hedeson Alves)
O cenário ficou ainda maior aos 20 minutos do segundo tempo, quando Leandro Silva recebeu o passe já dentro da área, nas costas da zaga que parou para fazer linha de impedimento, emendou um belo chute de primeira e colocou o J.Malucelli à frente do marcador.

Diante de uma impaciente torcida, o Vitória precisou reagir, mas um gol só era o suficiente para levar à decisão aos pênaltis. Ainda assim, era melhor do que amargar a precoce eliminação no tempo regulamentar, o que aumentaria a fúria do time que não atravessa boa fase na temporada.

Após uma pressão mal organizada, enfim saiu o gol de empate. Aos 40 minutos do segundo tempo, Nino Paraíba abriu na direita, fez o cruzamento na segunda trave, José Welison escorou de cabeça e Juan apareceu quase na linha do gol para mandar ao fundo das redes, levando à decisão aos pênaltis.

A esperança do torcedor do Vitória, no entanto, se deu fim quando Dinei foi cobrar o seu pênalti. O atacante, que já passou pelo Palmeiras, foi o único jogador a desperdiçar o chute. Com 100% de aproveitamento, os paranaenses garantiram a classificação.

Com a vitória por 1 a 0, o J.Malucelli chega à segunda fase da Copa do Brasil para encarar outra surpresa. Nesta terça-feira, o Novo Hamburgo visitou o favorito Joinville, na Arena, e, depois de vencer a primeira partida, segurou um empate em 2 a 2 para também avançar na competição nacional.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade