Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Marquinhos Santos enaltece nova administração e pede Brasileiro seguro

Salvador (BA)

No comando técnico do Bahia desde o início da temporada, Marquinhos Santos conquistou o título do Campeonato Baiano e também a confiança dos jogadores, torcedores e diretoria. Esta última, inclusive, muito elogiada pelo comandante Tricolor, que espera fazer uma boa estreia no Campeonato Brasileiro, no domingo, às 16 horas (de Brasília), diante do atual campeão nacional Cruzeiro. Além disso, para ele, o fundamental é conquistar os 46 pontos na disputa, garantindo segurança.

“Quando me contrataram, foram muito honestos. Viajaram até Curitiba, conversaram comigo, deixaram claro que estavam em dúvida entre mais alguns e acabaram me escolhendo. Achei uma maneira diferente de negociar. Eu vejo que é importante isso. Em momentos de transição de treinadores, você acaba optando mesmo sem conhecer o profissional. Às vezes o sucesso momentâneo é que leva o cara até o clube. Aqui no Bahia eu achei interessante a maneira que fizeram”, disse ao Arena Sportv.

Marquinhos acredita que é necessário haver uma conexão entre a equipe e o profissional, para que o trabalho prospere. “É bom conhecer a pessoa, filosofia de trabalho, a maneira como vai trabalhar, para ver ser há a identidade junto à filosofia do clube, porque às vezes isso não bate. Os treinadores acabaram passando pouco tempo nas instituições por causa da falta de empatia”.

Felipe Oliveira/EC Bahia/Divulgação
Marquinhos Santos quer Bahia seguro no Campeonato Brasileiro, sem riscos de rebaixamento

Com os pés no chão, o comandante do Tricolor sabe o que esperar do Campeonato Brasileiro. “Será complicado. É a disputa mais difícil do mundo. Temos 11 ou 12 equipes com reais condições de conquistar o título. O Bahia tá preparado, reformulado. Fizemos um Estadual com início ruim e melhoramos ao longo da competição”.

Mesmo assim, Marquinhos Santos vê com bons olhos o que já foi conquistado até aqui. “O título do Baiano foi importante para consagrar o trabalho dessa nova geração. Até mesmo dos profissionais aqui dentro”. E completou. “O primeiro conceito que passei à direção é realizar uma competição segura. Estamos em transição, com dificuldades financeiras. É um dos poucos clubes que paga em dia. Sabemos das realidades, primeiro vamos procurar ter segurança. Somar 46 pontos”, finalizou.

Confira os relacionados para a estreia no Campeonato Brasileiro:

Goleiros: Douglas Pires e Marcelo Lomba
Laterais: Diego Macedo, Pará, Railan e Raul
Zagueiros: Demerson, Lucas Fonseca e Titi
Volantes: Fahel, Hélder, Pittoni e Rafael Miranda
Meias: Anderson Talisca, Branquinho, Emanuel Biancucchi e Lincoln
Atacantes: Jeam Maxi, Rafinha e Rhayner

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade