Futebol/Mercado - ( )

Muricy pede para não falar sobre Kardec, novo alvo são-paulino

Tossiro Neto São Paulo (SP)

A fim de não alimentar polêmica com o Palmeiras ou, mais precisamente, com Gilson Kleina (técnico do Palmeiras), Muricy Ramalho pediu para não falar sobre Alan Kardec, atacante que a diretoria do São Paulo tenta tirar do rival. Dessa forma, contudo, o treinador não negou o interesse no jogador.

"Não posso falar do Alan Kardec. Quem tem que falar é o Kleina. Eu só posso falar do Luis Fabiano, do Pato. O que posso falar é que jogou comigo no Santos, é um excelente atleta, uma excelente pessoa", despistou, nesta sexta-feira, na primeira pergunta sobre o assunto.

Mais tarde, questionado se o palmeirense faz parte da lista que ele entregou a Ataíde Gil Guerreiro, vice-presidente de futebol, Muricy foi mais direto. "Não vou falar do Kardec, ele é do Palmeiras. Só vou falar de jogador que é nosso. Não adianta insistir, senão vamos ficar nessa troca. Eu sei que é o trabalho de vocês, mas vocês têm que entender meu lado também", explicou, de forma educada.

Embora Ataíde e o presidente Carlos Miguel Aidar neguem qualquer investida são-paulina por Kardec, o fato é que, através de intermediários, o clube procurou, sim, o Benfica, clube detentor dos direitos do centroavante. A primeira proposta enviada - e repassada pelos portugueses ao Palmeiras, que tem prioridade no negócio até 31 de maio - foi de 4,5 milhões de euros (quase R$ 14 milhões).

Divulgação/São Paulo FC
Muricy pediu para não falar sobre possível contratação do centroavante Alan Kardec

Na tarde desta sexta-feira, Kardec não apareceu na Academia de Futebol para participar do último treinamento do seu time antes da partida com o Fluminense, no sábado, no Pacaembu. Um dia antes, o atacante já havia abandonado uma atividade no gramado para cuidar de uma gastrite. Principal goleador da equipe, ele está emprestado pelo Benfica até 30 de junho.

O São Paulo passou a ter interesse no jogador depois que seu pai e empresário, que também se chama Alan Kardec, revelou insatisfação pela arrastada negociação com o Palmeiras. Muricy já avisou a seus chefes que quer um substituto à altura para Luis Fabiano. "Não vou falar de posições, senão fica essa especulação, é bobagem ficar fazendo isso", desconversou, entretanto.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade