Futebol/Campeonato Brasileiro - ( )

Muricy põe Cruzeiro entre melhores e prevê pedreira no domingo

Tossiro Neto São Paulo (SP)

Para Muricy Ramalho, o Cruzeiro, campeão brasileiro de 2013 e adversário de domingo, é novamente um dos times com melhor elenco neste ano e candidato ao título da competição. Atributos que levam o treinador do São Paulo a imaginar um confronto complicado em Uberlândia.

"Junto com Internacional e Atlético-MG, tem um dos melhores planteis do Brasil. O seu time considerado reserva não é diferente. O que vier (pela frente), é pedreira", disse o técnico do São Paulo, na tarde de sexta-feira, cogitando a hipótese de o adversário poupar jogadores por conta da disputa paralela da Copa Libertadores.

Se já imaginava dificuldade diante dos suplentes, Muricy não deve ter ficado feliz ao saber, depois de conceder entrevista, que Marcelo Oliveira, treinador do Cruzeiro, relacionou força máxima para a partida no Parque do Sabiá. Por outro lado, o são-paulino pode se apoiar no êxito alcançado no último duelo entre as duas equipes, na edição passada da competição.

Rubens Chiri/www.saopaulofc.net
Treinador, porém, tem boa lembrança do último duelo contra a equipe mineira, disputado no ano passado
Em 9 de outubro, em meio à luta para se manter na primeira divisão nacional, o São Paulo visitou o então líder (e depois campeão) Cruzeiro, no Mineirão. Ninguém apostava no time de Muricy, 16º colocado naquela ocasião. Mas, bem fechado na defesa, ele saiu vitorioso de Belo Horizonte, com gols dos laterais Douglas e Reinaldo. O triunfo por 2 a 0 foi o resultado que faltava para dar solidez à reação na tabela de classificação.

"Realmente, depois daquele jogo, a gente embalou, ganhamos vários outros jogos fora de casa. Tínhamos alguns jogadores machucados, mas a gente se preparou muito bem no que diz respeito às partes tática e psicológica. Nosso time estava muito forte na parte mental para surpreender o Cruzeiro. Os jogadores estavam com muita confiança", recorda, antes de comparar o momento anterior com o deste domingo, quando eles duelam pela segunda rodada, ambos vindo de vitória na estreia.

"É outro lugar, não vai ser no Mineirão. Acho o Mineirão um estádio excelente para se jogar. Mas Uberlândia é grande também. A diferença é que, agora, a gente não sabe ainda como os times vão se portar no campeonato. Só vamos ter ideia mesmo depois da Copa do Mundo, com os times definidos. Ainda estamos vendo movimentos no mercado. Só depois mesmo é que saberemos os verdadeiros candidatos ao título", concluiu o treinador.

Ele encerra a preparação do São Paulo na manhã deste sábado, no CT da Barra Funda. Em seguida, a delegação viaja para Minas Gerais. O duelo está marcado para 16 horas (de Brasília) do dia seguinte.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade