Futebol/Mercado - ( - Atualizado )

Palmeiras encaminha acerto com centroavante Henrique, ex-Portuguesa

São Paulo (SP)

Com dificuldades para renovar com Alan Kardec, o Palmeiras, ao menos, se aproximou do acerto com um atacante que Gilson Kleina pediu. O clube superou a concorrência com o Flamengo e está próximo de anunciar oficialmente a contratação de Henrique, centroavante que fez sete gols no Campeonato Paulista pela Portuguesa.

O jogador de 24 anos já tinha até marcado exames com o Rubro-negro carioca, mas a diretoria acabou recuando ao se aproximar do também centroavante Arthur, do Londrina. O Verdão, então, aproveitou a chance e sua contratação deve ser concluída oficialmente ainda nesta semana.

Henrique tem como empresário Meer Kauffmann, mesmo agente que cuida da carreira do zagueiro Lúcio, o que facilitou a conversa com o Palmeiras. Já foi conversado um contrato por produtividade, com salário fixo mais baixo e premiação por frequência em campo, e a chance de permanecer em São Paulo agradou ao jogador.

O atleta entrou em acordo para já se desligar da Portuguesa e deve assinar com o Verdão até o final do ano. Seus direitos econômicos estão ligados ao Mirassol e, na maior parte, a um grupo de empresários. Ele terá nova chance em um clube grande brasileiro. Aos 24 anos, Henrique tem passagem sem destaque pelo Santos. Na carreira, acumula ainda atuações por Cianorte, Santo André, Mogi Mirim e Chapecoense.

Henrique é a opção na ausência de Alan Kardec que Gilson Kleina pediu de forma mais intensa depois do Paulista. A diretoria chegou a se interessar por Rafael Silva, campeão estadual com o Ituano, e negociou com Douglas Tanque, destaque do Penapolense, mas não houve acerto com ambos.

Agora, o foco continua voltado em manter Alan Kardec. O clube alega já ter acertado a forma de pagamento de 4 milhões de euros (cerca de R$ 12,5 milhões) ao Benfica para contratá-lo em definitivo, mas o vínculo atual com o atacante acaba em 30 de junho e a diretoria tem até o fim de maio para acertar salários com o atleta, ponto mais complicado da negociação.

Fernando Dantas/Gazeta Press
Atacante, que deve assinar até dezembro, marcou sete gols no Paulista, o primeiro deles diante do Corinthians

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade