Futebol Internacional - ( - Atualizado )

Piqué inocenta Tata Martino e avisa: "O Barcelona vai se levantar"

Barcelona (Espanha)

A eliminação na Liga dos Campeões da Europa, a derrota para o rival Real Madrid na Copa do Rei e o segundo posto do Campeonato Espanhol acentuou a crise do Barcelona, clube previamente abatido pelas acusações sobre a negociação que trouxe o brasileiro Neymar para a Catalunha. Entretanto, o contexto adverso fez o zagueiro Piqué sair em defesa do técnico argentino Tata Martino. Na concepção do defensor, a culpa pelos maus resultados deve ser compartilhada pelo elenco, mas prontamente pregou o discurso de recuperação.

“Não há desculpas pela campanha.que está sendo trilhada. Não estamos jogando o desejado e assumimos a culpa. É preciso olhar para si mesmo neste instante. Acho que o Martino não tem culpa de nada do que aconteceu. Ele entrou no último minuto e tem trabalhado duro. Porém, vamos sempre procurar algum ajuste. Não foi nossa melhor temporada, mas vamos nos levantar”, expressou o zagueiro, em entrevista ao portal Goal.com.

Adiante, Piqué fez questão de defender Lionel Messi, cobrado com frequência pelas atuações apagadas nos últimos compromissos do clube azul e grená: “Ele é o melhor jogador da história e não posso entender como ele está sendo criticado. Graças a ele, ganhamos o que ganhamos. Léo ama o clube e a cidade. Aqui ele se sente em casa. Assim, serei capaz de avisar meus filhos que joguei com ele”, elogiou.

Embora ocupe a vice-liderança do Espanhol, com 81 pontos (contra 85 do Atlético de Madri), o Barcelona possui um jogo a mais que o rival merengue, que soma 79, faltando quatro rodadas para o fim do torneio.

AFP
“Ele é o melhor da história e não posso entender como ele está sendo criticado", disse Piqué sobre Messi

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade