Futebol - ( - Atualizado )

Salles vibra com título e pede respeito: "Senhor Cícero falou muita besteira"

São Paulo (SP)

Anderson Salles foi um dos jogadores mais calmos na tensa decisão do Campeonato Paulista. Terminada a final, com vitória do Ituano nos pênaltis após derrota por 1 a 0 para o Santos, o zagueiro deixou um pouco o controle de lado, embora o tom fosse sereno.

“O senhor Cícero falou muita besteira. Nós respeitamos o Santos em todos os momentos. Eles têm que respeitar os profissionais que estão deste lado também. O futebol se resolve dentro de campo. A gente não faltou com respeito a ninguém e está de parabéns”, afirmou.

Sergio Barzaghi/Gazeta Press
Anderson Salles se irritou com as frases ditas por Cícero após o primeiro jogo da decisão estadual
A bronca do beque é relativa aos comentários feitos pelo meio-campista alvinegro ao final do primeiro jogo, claramente dominado pelo Ituano. Cícero, que perdeu um pênalti na ocasião, disse que o resultado era muito mais fruto de erros do Santos do que de mérito do adversário.

Respostinha à parte, Salles comemorou o bom desempenho do sistema defensivo ao longo da decisão. É verdade que houve chances perdidas pelo time da Vila Belmiro, mas o melhor ataque do Estadual só marcou uma vez ao longo dos 180 minutos, em pênalti sofrido por Cícero em posição de impedimento.

“A gente sabia que eles tinham o ataque mais positivo, mas temos a melhor defesa. O professor Doriva foi sensacional”, disse o zagueiro, lutando para acreditar que o Ituano é o campeão paulista. “Ainda não caiu a ficha, vai cair depois. Entramos na história do clube.”

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade