Futebol/Mercado - ( - Atualizado )

Sem “loucuras” no São Paulo, Muricy considera Hudson uma aposta

Luiz Ricardo Fini São Paulo (SP)

O técnico Muricy Ramalho gostou da contratação do volante Hudson, que defendeu o Botafogo de Ribeirão Preto no Campeonato Paulista. O treinador, que há pouco tempo negou interesse pelo jogador, afirmou nesta terça-feira que apenas tentou despistar, para evitar a cobiça de concorrentes.

“Se eu tivesse falado que estava interessado, dobraria o valor. Ele veio do jeito que a gente queira, com salário baixo e até o fim do ano. Não fazemos loucura”, explicou o treinador.

Muricy Ramalho buscou informações sobre o atleta, que assinou contrato apenas até dezembro, mas pode prorrogar por mais duas temporadas. “É um bom jogador e jovem. Claro que é uma aposta, porque jogar em time como o São Paulo não é fácil, mas, pelas informações que tivemos, principalmente do técnico Wagner Lopes (do Botafogo-SP), que é nosso amigo, é um bom jogador e bom atleta também”.

Divulgação
Hudson foi anunciado pelo São Paulo nesta terça-feira (Foto: Rogério Moroti/Agência Botafogo)
Formado no Santos, Hudson tem 26 anos e chega para disputar posição em um setor que tem Souza e Maicon como titulares absolutos. As outras opções são Denilson, Wellington e João Schmidt.

“Ele é segundo volante mesmo, não é o primeiro. É o jogador que constrói e chega à frente. Foi um dos caras que mais roubaram bola no campeonato. Acho que foi um bom negócio para o São Paulo e é esse tipo de coisa que temos de voltar a fazer. Ter jogadores desse nível, com uma possível futura venda”, completou o técnico.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade